O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou por unanimidade, na sessão administrativa dessa terça-feira (12), a mudança do nome do Partido Trabalhista do Brasil (PTdoB) para ‘Avante’. Este é o segundo pedido de mudança de nome partidário acolhido pelo Tribunal este ano.

 

A Corte Eleitoral já havia aprovado, em 16 de maio, a troca do nome do Partido Trabalhista Nacional (PTN) para ‘Podemos'(PODE). O pedido de alteração do nome do partido foi relatado, naquela sessão, pelo ministro Admar Gonzaga, que deferiu a solicitação.

 

Os ministros acompanharam na sessão dessa noite o voto do relator do pedido do PTdoB, ministro Napoleão Nunes Maia, que acolheu o requerimento da sigla. O partido obteve registro na Corte Eleitoral em 11 de outubro de 1994.

 

Tramita ainda no TSE outro pedido de mudança de nome de partido. O Partido Social Democrata Cristão (PSDC) entrou, dia 9 de agosto, com requerimento na Corte para alterar a designação da legenda para Democracia Cristã.

 

O pedido do PSDC também deve ser analisado em sessão administrativa pelo Plenário do TSE.

 

REdação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Auxiliar nega articulação para disputa de CG: “Não foi discutido com governador”

O secretário de Saúde do Estado da Paraíba, Geraldo Medeiros, voltou a negar, durante entrevista essa semana a existência de articulações envolvendo o nome dele para a disputa pela prefeitura…

MPF pede quebra de sigilo bancário de ex-prefeito no âmbito da Operação Andaime

No âmbito da Operação Andaime, deflagrada em 2015, o Ministério Público Federal (MPF) solicitou a quebra do sigilo bancário e fiscal do ex-prefeito de Santa Cruz (PB), Raimundo Antunes. De…