A Paraíba o tempo todo  |

Três deputados voltam à ALPB

O período de desincompatibilização de cargos públicos dos pretensos candidatos às eleições de outubro – que se encerra no próximo sábado, dia 3 – provocará mudanças na Assembleia Legislativa da Paraíba. Três deputados, que atualmente ocupam secretarias na Prefeitura de João Pessoa e no Governo do Estado, irão retornar ao parlamento na próxima semana, fazendo com que seus respectivos suplentes deixem seus cargos na Casa.

Os deputados Leonardo Gadelha (PSC) e Iraê Lucena (PMDB), que estão no comando das secretarias estaduais da Infraestrutura e da Articulação Política, respectivamente, deixam suas pastas e voltam a Assembleia para disputar a reeleição ou, quem sabe, uma vaga na Câmara Federal, como especula Gadelha.
Ao reassumirem seus cargos, os deputados provocam as saídas dos suplentes Nadja Palitot (PSL) e Expedito Pereira (PMDB), que estão na Assembleia há um ano, desde que Maranhão assumiu o comando do Governo do Estado.

Já o deputado Aguinaldo Ribeiro (PP), que está à frente da secretaria de Ciência e Tecnologia da Capital, também irá retornar ao Legislativo estadual para disputar novamente uma cadeira na Assembleia. A volta de Aguinaldo faz com que o suplente Pedro Medeiros (PSDB) deixe a Casa de Epitácio Pessoa.

PMJP divulga novos auxiliares

Apesar da saída do secretário Aguinaldo Ribeiro da Ciência e Tecnologia, o Partido Progressista continua gerindo a pasta. No lugar de Aguinaldo, volta o engenheiro Paulo Badaró, que foi titular da Secretaria em 2009.

Além de Aguinaldo e do próprio prefeito Ricardo Coutinho, que se descompatibiliza hoje da Prefeitura, outros três auxiliares também se afastam da administração municipal por conta das eleições. De acordo com a Secretaria de Comunicação, o jornalista Nonato Bandeira (Chefia de Gabinete), deixa o cargo para coordenar a campanha de Ricardo ao Governo do Estado. Em seu lugar, assume Coriolando Coutinho, atual superintendente da Emlur, que por sua vez deixa a função de responsável pela limpeza urbana da cidade com o engenheiro Orlando Soares.

Mudanças também acontecem na secretaria de Meio Ambiente (Semam). O até então do titular da pasta, Simão Almeida (PCdoB), que deixou o cargo na última segunda-feira, após romper com o socialista para apoiar a candidatura de José Maranhão ao Governo estadual, será substituído pela geógrafa e professora da UFPB, Lígia Tavares.

Já adjunta, Rossana Honorato, que vai concorrer a uma vaga de deputada federal, também deixa a Prefeitura. Para a função de Rossana foi designada a psicóloga Maristela Viana.

Estado

O Governo do Estado ainda não divulgou quem serão os substitutos para as vagas dos deputados Leonardo Gadelha e Iraê Lucena. José Maranhão aguarda as negociações com os recém aliados PTB e PCdoB para anunciar a nova composição de sua equipe.

 

 

Jornal Correio

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe