Por pbagora.com.br

Com a proximidade das prévias carnavalescas e do próprio Carnaval, o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, referência em casos de urgência e emergência, reforça seu quadro de multiprofissionais que vão ficar de sobreaviso, como também o estoque de medicamentos e material para cirurgias para melhor atender a população local e flutuante durante as festividades.

 

A diretora geral da unidade, Sabrina Bernardes, explica que todos os anos, durante o período carnavalesco, o hospital muda a rotina, porque geralmente há um aumento da demanda de atendimentos. “Neste período os foliões se soltam, ficam mais tempo nos bares, praças e praias, e por conta disso, acaba aumentando o número de ocorrências. Também providenciamos o abastecimento no estoque de remédios da nossa farmácia e material cirúrgico. A população pode ficar tranquila que estamos preparados para recebê-los de forma adequada, caso precise do nosso atendimento”, completou.

 

Sabrina Bernardes chama a atenção para que a população só procure a unidade hospitalar se for casos de urgência e emergência. “Vamos ser criteriosos e rigorosos com relação à forma de admissão na instituição, no sentido de priorizar o verdadeiro perfil do hospital, em casos de urgências e emergências. Os casos corriqueiros de atendimento clínicos decorrente da época carnavalesca como alcoolismo, ressaca, intoxicação alimentar, entre outros, devem ser atendidos em outras unidades hospitalares e Unidades de Pronto Atendimento (UPA)”, explicou.

 

Perfil – O complexo hospitalar atende, exclusivamente, emergência e urgência, vítimas de trauma (acidentes e desastres), violência (física e sexual), queimadura e doenças clínicas em suas fases agudas (AVC e hemorragias digestivas). A instituição funciona ininterruptamente e o número do telefone é 3216-5700.

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Presidente do Cidadania elenca erros da gestão Cartaxo em JP

Em entrevista a imprensa paraibana o presidente municipal do Cidadania na capital paraibana o vereador Bruno Farias, elencou erros da gestão do prefeito da capital Luciano Cartaxo (PV), dando a…

Patrocinadores cancelarão contratos se envolvidos na ‘Cartola’ voltarem ao Belo

Em 2018, foi deflagrada a ‘Operação Cartola’ na Paraíba. Além de entidades do futebol paraibano, a operação apura o envolvimento do ex-vice-presidente do Botafogo-PB, Breno Morais Almeida. Ele é acusado…