O Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba vai apreciar, em sua sessão ordinária desta quarta-feira (25), 41 processos. Dentre as ações, os magistrados devem julgar uma notícia crime, movida pela Secretaria de Segurança e Defesa Social , que tem como embargante o ex-governador do Estado, Cássio Cunha Lima, e como embargado o Jornal Correio da Paraíba. A relatoria do processo é de competência do desembargador Jorge Ribeiro Nóbrega, vice-presidente da corte..

Em outro caso, o prefeito do município de Areial, Adelson Gonçalves Benjamin, responderá a uma notícia crime, enquanto sete ex-prefeitos paraibanos são réus em ações penais e terão seus respectivos processos em mesa. São eles: Cláudio Antônio Marques de Sousa (São José da Lagoa Tapada); José Carlos Vidal, (Gurjão); Pedro Pinto da Costa (Barra de São Miguel); Adriano César Galdino de Araújo (Pocinhos); Alessandro Alves da Silva (Pilõezinhos); José Wellington Almeida de Souza (Manaíra) e Cláudio Antônio Marques de Sousa (São José da Lagoa Tapada).

Já os ex-prefeitos; José Carlos Vidal (Gurjão); Salomão Benevides Gadelha (Sousa) e João Batista Lacerda Cavalcanti (São José de Piranhas) são indiciados em inquéritos policiais.

O Pleno do TJPB também julgará as notícias crime contra os ex-prefeitos Antônio Mendonça Coutinho Filho (Massaranduba); José Benício de Araújo Filho (Município de Pilar); Leomar Benício Maia, (Catolé do Rocha).

O Pleno deve manter seu entendimento a respeito da perda do foro privilegiado de ex-prefeitos. Em sessões anteriores, o TJPB determinou a devolução às comarcas de origem de todas as ações contra ex-agentes políticos.

PB Agora com Coordenadoria de Comunicação Social do TJPB

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Julian Lemos revela que filhos de Bolsonaro podem inviabilizar o governo

Na entrevista à Jovem Pan, na noite desta segunda-feira, o deputado federal e presidente estadual do PSL-PB Julian Lemos disse que a guerra no PSL é um grande problema para…

Eduardo Carneiro defende PL que torna carne de sol de Picuí patrimônio imaterial

O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) vai recorrer da decisão da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) que considerou o projeto de Lei…