O vice-presidente eleito Michel Temer (PMDB) disse nesta quarta-feira que "saiu de bom tamanho" a destinação de cinco ministérios, além da Defesa, para o PMDB no governo da presidente eleita Dilma Rousseff. Temer confirmou que serão ministros os senadores peemedebistas Edison Lobão (Minas e Energia), Garibaldi Alves (Previdência), além do deputado Pedro Novais (Turismo) e do ex-governador do Rio de Janeiro Moreira Franco (Secretaria de Assuntos Estratégicos).

O atual ministro da Agricultura, Wagner Rossi, será mantido no cargo. Além desses cinco nomes, permanece no ministério da Defesa Nelson Jobim, que apesar de filiado ao PMDB é tido como uma escolha pessoal de Dilma. Temer, que esteve nesta quarta-feira na festa de aniversário do líder do partido na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN), disse que o pacote de ministros do PMDB deverá ser anunciado oficialmente na quinta-feira.

Michel Temer não informou quais outros ministérios serão anunciados na quinta, mas reconheceu que entre eles estará o de Relações Exteriores, que deve ficar com o diplomata Antonio Patriota. Com relação aos cargos nas estatais, Temer disse que isso será fechado apenas em janeiro ou fevereiro. Até agora, Dilma confirmou o nome de seis ministros, todos do PT.

O senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN) confirmou hoje que será o ministro da Previdência. "A presidente Dilma me convidou para o Ministério da Previdência, e eu aceitei", afirmou a jornalistas após participar de reunião com Dilma na residência da Granja do Torto, em Brasília. "É um grande desafio, mas eu tenho ótimos técnicos para me assessorar", disse Garibaldi.
 

 

Terra

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: RC vê conotação política em escritório arrombado. Acha que há mandantes

Em resposta a questionamentos da coluna, o presidente da Fundação João Mangabeira e ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), disse, na madrugada deste domingo (18), não ter dúvidas de que…

Líder na ALPB diz ser contra privatização das BRs 101 e 230 na Paraíba

Em entrevista à imprensa paraibana o ex-deputado federal e líder do bloco governista o deputado estadual Wilson Filho (PTB) opinou sendo contrário, a inclusão dos trechos das BRs 101 e…