O Pleno do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba reprovou, em sessão nesta quarta-feira (13), as prestações de contas, referentes ao ano de 2015, do ex-prefeito de Cacimba de Dentro, Edmilson Gomes de Sousa, do PMDB.

A decisão se deu em virtude da não aplicação do índice constitucional de 25% em Educação do não recolhimento de contribuições previdenciárias, e da realização de despesas sem licitação, entre outras irregularidades.

O TCE não só emitiu parecer contrário e julgou irregulares as prestações de contas,  ano 2015, da prefeitura de Cacimba de Dentro, como também do fundo de saúde do município.

Na sessão o pleno também reprovou as contas da prefeitura de São Sebastião de Lagoa de Roça, no mesmo exercício. As duas condenações cabem recursos.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Adesão de Ludgério ao Governo João é inverdade, garante Ivonete

A presidente da Câmara de Municipal de Campina Grande, vereadora Ivonete Ludgério (PSD), afirmou que alguns pré-candidatos da base aliada têm espalhado o que ela chama de “mentiras” contra o…

Opinião: com a soltura de Gilberto Carneiro, prevaleceu o “efeito dominó” jogado pelos bons advogados

A minha pessoa não foi surpreendida com a decisão da ministra Laurita Vaz, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em conceder liberdade ao ex-procurador do Estado, Gilberto Carneiro, preso em…