A Paraíba o tempo todo  |

Ruy critica abandono da saúde em João Pessoa e diz que problemas de gestão levaram à paralisação dos profissionais da área

O deputado federal Ruy Carneiro (PSC) se posicionou frente a mais uma consequência do abandono da saúde em João Pessoa por parte da prefeitura. Em decorrência do descaso da gestão municipal, houve uma paralisação dos profissionais da saúde lotados nas unidades básicas de saúde da capital e a consequente suspensão das campanhas de vacinação e da testagem contra Covid-19.

De acordo com Ruy, essa situação é provocada por um acúmulo de problemas recorrentes e principalmente pela falta de diálogo com médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

“Estou acompanhando com indignação o grande volume de problemas na saúde de João Pessoa e é inadmissível ver que a toda a população da capital não tenha acesso a nenhum serviço básico oferecido pela prefeitura. Isso é reflexo da péssima administração municipal e da falta de diálogo da atual gestão com as categorias. É preciso uma intervenção urgente das autoridades responsáveis e do Ministério Público para que isso não continue acontecendo e os atendimentos sejam restabelecidos”, cobrou o deputado.

O parlamentar ainda lembrou a situação de abandono e os constantes arrombamentos nas UBSs, além das péssimas condições estruturais desses equipamentos.

“Essa paralisação de hoje é provocada pelos inúmeros absurdos que são registrados quase que diariamente na saúde da capital. Ontem, mais uma unidade básica no bairro de Quadramares ficou fechada por conta do arrombamento registrado durante o fim de semana. A direção da maternidade Cândida Vargas, que havia tomado posse no mês de janeiro, recentemente pediu exoneração por conta de falta de insumos, medicamentos e uma série de outros problemas. Isso sem falar das péssimas condições de infraestrutura na maioria dos hospitais, UPAs e PSFs, que colocam em risco a vida de pacientes e servidores”, finalizou.

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe