A Paraíba o tempo todo  |

Ruy se mostra contra aumento de 69% do salário de servidores federais

“Quero falar sobre um assunto que deixa a todos nós indignados”, assim o deputado federal Ruy Carneiro, iniciou um debate acerca da portaria que autoriza uma parcela de servidores federais a receber mais do que o teto remuneratório constitucional.

O parlamentar paraibano, quem tem usado seu mandato para combater privilégios, explicou que a Constituição define que a remuneração para cargos públicos, junto com pensão e vantagens não pode exceder o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), que hoje é R$ 39 mil, porém com a nova portaria, o teto total para essas pessoas passa a ser de R$ 78.586,64 por mês.

Demonstrando indignação, Ruy disse considerar a nova portaria um absurdo, principalmente me um momento tão crítico da economia brasileira com recorde de desemprego e muitas pessoas passando por diversos tipos de necessidade.

“Quero falar sobre um assunto que deixa a todos nós indignados. Uma portaria autoriza uma parcela de servidores a receber mais do que o teto remuneratório constitucional. Isso é um absurdo! Sou contra os supersalários do funcionalismo público. O Brasil enfrenta a pior crise econômica de todos os tempos, com mais de 14 milhões de desempregados e tanta gente sem ter o que comer. Nós temos que combater esse tipo de equívoco a todo custo” declarou.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      3
      Compartilhe