Único candidato ao Senado Federal pela chapa emedebista, o ex-governador Roberto Paulino (MDB), disse, durante entrevista na tarde desta terça-feira (25) que após essas eleições deixará a vida pública. Segundo ele, já não se sente mais confortável em disputas.

 

A surpresa de ontem ficou por conta dessa declaração do ex-governador Roberto Paulino (MDB), numa emissora de rádio: após esta eleição, na qual concorre como candidato ao Senado, ele jamais disputará outro cargo eletivo. Jamais? Isso mesmo. “Não sinto mais vontade de ser [candidato]”, justificou.

 

Roberto ainda informou que escreverá um livro de memórias, onde narrará episódios de campanhas políticas. Nas recentes pesquisas Roberto Paulino sempre está na quinta posição, atrás de Cássio, Veneziano, Couto e Daniella.

 

 

Redação

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

NEPOTISMO: TJPB revoga liminar e afasta prefeito de Aparecida

O prefeito do município de Aparecida, Júlio César Queiroga de Araújo (PTC), terá que se afastar do cargo, após determinação do juiz Aluísio Bezerra Cavalcanti, do Tribunal de Justiça da…

Empresário reforça pré-candidatura a prefeito de Campina Grande

O empresário Arthur Bolinha (PSL), reforçou a sua pré-candidatura a prefeitura de Campina Grande. Em entrevista ele ratificou que está colocado como pré-candidato a prefeito de Campina Grande e garantiu…