Por pbagora.com.br

Em uma eleição atípica, devido a pandemia do Covid-19, a renovação na Câmara Municipal de Campina Grande, foi de 47,82%, com 11 novos vereadores.

A novidade na próxima legislatura será a presença das mulheres na Casa de Félix Araújo. No total, são sete mulheres eleitas, incluindo as duas mais votadas. Eva Gouveia (PSD) foi a vereadora mais votada, com 4.232 votos, seguida da presidente da Casa, vereadora Ivonete Ludgério do PSD, que foi reeleita com 3.893 votos.

Uma das surpresas foi a eleição de Dona Fátima (Podemos) -com 1.917 votos. Dona Fátima não vem de família tradicional da política e chega a Câmara Municipal prometendo fazer um trabalho forte na área da saúde. Ele mora em Vila Cabral de Santa Terezinha e na eleição passada ficou na primeira suplência, chegando a assumir o mandato por 4 meses.

O PSD foi o partido que elegeu mais representantes, com seis vereadores. Eva Gouveia (PSD) foi a vereadora mais votada, com 4.232 votos.

Em comparação com as Eleições de 2016, 12 candidatos foram reeleitos e 11 novos foram eleitos. Este ano, foram eleitas sete mulheres, seis a mais do que 2016, quando apenas uma vereadora foi eleita.

Em compensação, nomes conhecidos da política campinense foram rejeitados nas urnas, a exemplo do vereador Pimentel Filho (PSD), que buscava o sétimo mandato, e o vereador Márcio Melo (PSD), primo do prefeito Romero Rodrigues, mas que não conseguiu a sua reeleição. No lado da bancada de oposição, Galego do Leite também não conseguiu a reeleição, mesmo o Podemos que ele preside no Estado, tendo eleito dois vereadores.

A partir de 1º de janeiro de 2021, a CMCG terá uma legislatura totalmente renovada. A bancada governista é maioria, mas a oposição também cresceu.

Severino Lopes
PB Agora

Notícias relacionadas

Levantamento do PB Agora contabiliza 10 nomes cotados para disputar única vaga da Paraíba no Senado em 2022

Um levantamento feito pela reportagem do PB Agora contabilizou ao menos dez nomes cotados para ingressar na disputa pela única vaga da Paraíba no Senado Federal nas eleições de 2022.…