Por pbagora.com.br

 O governador Ricardo Coutinho (PSB), afirmou neste começo de semana, que torce para que o deputado federal Manoel Junior (PMDB), seja aproveitado no Ministério da Saúde, mas não considera oportuno a presidente Dilma Rousseff (PT), promover muanças no ministério, como está sendo especulada pela imprensa nacional. O deputado paraibano está cotado para assumir o Ministério por indicação do PMDB.

 

Ele ressalvou que não é “nada contra” a pessoa do deputado Manoel Júnior (PMDB-PB), que está com o seu nome cotado para suceder ao ministro Arthur Chioro.

 

“Espero que ele (Manoel) seja aproveitado no ministério”, adendou.

 

Ricardo argumentou que a saúde, “nesse momento de crise, é preciso ter muito cuidado” com a sua gestão.

 

– A Saúde precisa de recursos novos. Não adianta reclamar da saúde e não destinar novos recursos. Não tem mágica – assinalou o socialista.

 

Para Ricardo, a maneira como está sendo conduzida a reforma na equipe da presidente Dilma, até mesmo em áreas vitais como a Saúde, “deixa transparecer um balcão de negócios e uma busca desenfreada de base política”.

 

 

Redação

Notícias relacionadas

Vice-prefeito de CG se reúne com ministro da Saúde e reivindica recursos

O vice-prefeito de Campina Grande, Lucas Ribeiro, participou nesta terça-feira (4), de uma reunião com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. O encontro aconteceu em Brasília, onde o gestor cumpre…

Veja ponto a ponto do depoimento de Luiz Henrique Mandetta à CPI da Covid

Em mais de sete horas de depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta detalhou procedimentos que adotou contra a pandemia e…