O governador Ricardo Coutinho (PSB) anunciou, hoje, durante solenidade no Palácio da Redenção, que se reunirá na próxima quinta-feira (14) com representantes do grupo Ferreira Costa para tentar impedir que a empresa pernambucana desista de instalar um home center na capital paraibana.

Para isso, o governador adiantou que vai convidar para reunião o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD),  representantes do Ministério Público Estadual da Paraíba (MPPB) e da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL).

“A Paraíba não pode perder esse empreendimento. São mais de 500 empregos e precisamos saber quais as razoes para não terem recebido licença. Precisamos construir caminhos para assegurar esse investimento”, observou.

Coutinho quer saber as razões que levaram a PMJP a não conceder as licenças necessárias para a construção do empreendimento em João Pessoa.

Segundo Ricardo, a vinda da Ferreira Costa para João Pessoa foi uma conquista do Governo do Estado, que recebeu no Palácio os responsáveis pela empresa e os estimulou a se instalar na capital do Estado.

LEIA TAMBÉM:  CASO FERREIRA COSTA: governador vai tentar manter empresa em JP

 

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Contra a privatização, deputado quer permanência da Cagepa em Campina Grande

O deputado estadual Inácio Falcão (PC do B) participou de uma reunião nesta segunda-feira (20) para discutir a proposta de licitação para repasse da concessão dos serviços de água e…

Vice-prefeito de CG defende nome do neto para disputar PMCG

A corrida sucessória já tem movimentado a política campinense. O vice-prefeito de Campina Grande, Enivaldo Ribeiro (PP), defendeu o nome de seu neto Lucas Ribeiro, na cabeça da chapa majoritária,…