Por pbagora.com.br

Durante seu programa semanal na rádio Tabajara, o governador Ricardo Coutinho(PSB) lamentou a morte do governador licenciado do estado de Sergipe, Marcelo Déda(PT), que faleceu durante a madrugada desta segunda-feira(2), em São Paulo, vítima de um câncer.

Ricardo dedicou o programa de hoje ao amigo Déda e disse que o petista foi um grande companheiro. O governador também admitiu ainda a possibilidade de participar do velório do petista, o qual classificou como um verdadeiro amigo. “Provavelmente eu deva até a participar de seu velório. Era um grande amigo e um cidadão absolutamente democrático”, disse o socialista.

O  chefe do executivo destacou ainda a trajetória política de Marcelo, que foi deputado estadual, deputado federal, prefeito da cidade de Aracaju por dois mandatos e governado do estado sergipano também por dois mandatos.

“Déda sabia que os avanços podiam ser feitos não apenas por ele ou não apenas por seu partido, mas por muitas e muitas forças.”

O velório do governador sergipano acontece na cidade de Aracaju na tarde de hoje e deve durar até amanhã. O corpo do petista deve desfilar em carro aberto do Corpo de Bombeiros pelas ruas da cidade no trajeto entre o aeroporto e o Palácio Museu Olímpio Campos.

O governador Marcelo Déda, 53, lutava contra um câncer gastrointestinal desde 2009. Ele estava afastado do cargo desde maio deste ano.

O corpo do governador será cremado.

 

 

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João Azevêdo destaca avanço na relação institucional com governo federal

O governador João Azevêdo (Cidadania) se pronunciou após o elogio público do vice-presidente da República Hamilton Mourão (PRTB) em mensagem, divulgada nesta quarta-feira (23), e fez questão de deixar claro…

Manifesto pró-Anísio: trabalhadores em educação condenam autoritarismo de RC

Em meio ao imbróglio envolvendo a pressão para que o PT desista da candidatura própria para apoiar a candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) para prefeitura de João Pessoa, os…