Por pbagora.com.br

O presidente municipal do Partido dos Trabalhadores em Campina Grande, Hermano Nepomuceno, confirmou a realização de uma carreata pró-impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido-RJ), neste domingo domingo (31), na cidade.

Conforme explicou o petista, a carreata é organizada pelos seis partidos que integram o Fórum Pró-Campina (PT, PCdoB, PSOL, PSB, PDT, REDE), que visam unir forças e apoiar o impeachment do presidente do país.

“Entendo que estamos vivenciando uma pandemia, não será feita uma passeata e sim uma carreata, que é a forma que nós encontramos para mostrar nossa oposição ao governo de Jair Bolsonaro”, afirmou Nepomuceno.

A concentração será às 10h, na frente do Instituto São Vicente de Paulo, às margens do Açude Velho, com saída pontualmente às 11h30, com uma carreata que percorrerá diversos pontos da cidade.

Nepomuceno ainda salientou que dentre os diversos crimes de responsabilidade, a principal pauta que é levantada contra o governo Bolsonaro é a condução da pandemia no país, denominando-o de “desleixado e irresponsável”.

“Ao contrário de todas recomendações sanitárias, o presidente se colocou contrário. Fez pronunciamentos desdenhando a pandemia e resultou no que estamos vendo hoje. O presidente fazia questão de ir à feira. Ele é líder de uma nação, deveria dar exemplo. Não é questão política. Outros líderes de extrema-direita tiveram responsabilidade com suas nações, e o presidente Bolsonaro não”, criticou.

Na manhã deste sábado (30), o ex-vereador de Campina Grande, Antônio Pereira, afirmou em entrevista à Rádio Caturité FM, que a perspectiva é de que muitas pessoas participem da carreatra.

“Nossa expectativa é ter o maior número de pessoas, em seus carros, para que elas possam dizer ao que vieram, para dizer que não concordamos mais com os desmandos, desorganização desse governo que aí está Não é uma vontade do fórum, mas sim um desejo nacional”, afirmou.

Antônio Pereira afirmou que a gestão de saúde do governo federal é um dos maiores problemas enfrentados pelo país, e afirmou que o governo Bolsonaro é um governo genocida.

“Nossa posição é a favor do país, o governo Bolsonaro é anticidadania”, disse.

PB Agora

Notícias relacionadas

JP: homem se esconde embaixo de cama, mas é morto a tiros

Um homem foi assassinado na noite de ontem (3), no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa. Segundo informações da polícia, a vítima teria se escondido debaixo da cama…

Aguinaldo Ribeiro solicita que Câmara vote proposta de auxílio ao setor de eventos nesta 4ª

O deputado federal e líder da Maioria na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) solicitou na manhã desta quarta-feira (03) que a votação do Projeto que cria o Programa Emergencial de Retomada…