Jovem prefeito muda comportamento, abraça adversários e escanteia aliados de primeira hora

Após enfrentar uma verdadeira via crucis judicial para poder assumir a gestão municipal em Esperança, o jovem prefeito da cidade, Anderson Monteiro, do PSC, parece ter mudado de postura depois que se efetivou no mandato e garantiu a posse da caneta até o ano de 2016.

Informações repassadas ao portal PB Agora, nesta quarta-feira (30) dão conta que o gestor teria abandonado os aliados de primeira hora e dado grande prestigio a correligionários do ex-prefeito Nobinho Almeida (PSDB), grupo político que foi derrotado no ultimo pleito.

A estratégia do novo prefeito está causando grande descontentamento dos aliados, principalmente no que diz respeito ao tratamento dispensado a três vereadores que aderiram recentemente ao projeto, são eles: Pingo, Baba da Pitoca e Adailton dos Santos, que após desembarcarem na bancada de situação, ganharam status de aliados de primeira hora, dando as cartas na gestão e até nomeando e debochando dos antigos aliados.

Ao PB Agora chegou também a informação que o clima é de indignação por parte dos aliados do deputado Arnaldo Monteiro (PSC), pai do prefeito, apontado como o principal responsável pela articulação que culminou com o ‘chute’ nos aliados de primeira hora. “Aqui o clima é de vaca desconhecer bezerro!”, desabafou uma servidora que votou em Anderson e que agora se diz perseguida pelos aliados de Nobinho.

Outro ponto que tem causado grande revolta na cidade é a grande ausência do prefeito Anderson Monteiro em Esperança. Há denúncias de que o gestor estaria há aproximadamente uma semana sem dar as caras no município, despachando apenas pelos seus auxiliares.

Se não bastassem os problemas políticos, Esperança também sofre com deficiências de gestão, como: a falta de medicamentos no hospital da cidade, falta de infra-estrutura e a ausência de uma política voltada para a geração de emprego e renda.

“O desemprego aqui é geral! Todos dependem do comércio local ou da prefeitura!”, desabafou um morador de Esperança.

Com um nome pródigo, resta aos habitantes da cidade e correligionários de Anderson a esperança que dias melhores virão.

 ""


Henrique Lima/ Márcia Dias

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em emenda, Maranhão sugere adiamento de eleição de outubro para dezembro

O senador José Maranhão (MDB) visando não prejudicar o “calendário eleitoral” sugeriu, através de emenda à Constituição, o adiamento das eleições municipais deste ano para dezembro. De acordo com a…

Raíssa Lacerda deixa o PSD e vai para o Avante comandado por Genival Matias

Há tempos demonstrando sua insatisfação com o PSD, legenda que ajudou a fundar na Paraíba, a vereadora Raíssa Lacerda anunciou nessa sexta-feira a sua desfiliação da sigla. Já era sabido…