Por pbagora.com.br

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador José Ricardo Porto, confirmou, durante entrevista à rádio CBN, nesta quinta-feira (08), que irá convocar o Pleno para deliberar sobre o pedido de tropas federais para atuar no município de Pedras de Fogo, nas eleições desse ano.

O pedido foi feito juíza Higyna Josita após os ânimos se acirrarem na cidade, com denúncias de compra de voto e apoio político, agressões mútuas entre militantes de candidaturas adversárias, um assassinato que está sob investigação, além, também de descumprimentos de ordens da Justiça Eleitoral.

“Tenho acompanhado os casos da cidade através da competente e eficiente juíza Higyna Josita, que vem tendo o zelo para garantir a tranquilidade e a segurança durante a campanha e nas eleições da cidade…”

“… Neste caso da presença do exército em Pedras de Fogo, devo afirmar que só existe movimentação desse nível em um único município”, comentou o presidente do TRE/Paraíba.

O Tribunal Regional Eleitoral recebeu ainda uma provocação do deputado estadual Branco Mendes (Podemos), e já está agindo.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Wilson Filho recebe de João Azevêdo garantia de construção de rodovia ligando Tavares a Nova Olinda

O deputado estadual Wilson Filho (PTB) esteve reunido, nesta segunda-feira (19), com o governador João Azevêdo (Cidadania); o prefeito de Tavares, Aílton Suassuna (MDB); e a primeira-dama do município, Shelley…

Em JP, Raoni se projeta no 2º turno e veta citados por corrupção em seu palanque

Candidato à prefeitura de João Pessoa pelo Democratas, o ex-deputado estadual Raoni Mendes minimizou os números das pesquisas Ibope e Consult, divulgadas nas últimas semanas, que o colocam fora do…