Por pbagora.com.br

A Procuradoria Geral Eleitoral (PGE) emitiu na sexta-feira (20), através da vice-procuradora geral eleitoral Sandra Cureau, parecer favorável à impugnação da candidatura do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB).

O processo agora será enviado para o ministro Marco Aurélio, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde deverá ser julgado já na próxima terça-feira.

No parecer a Procuradoria Geral Eleitoral pede que seja mantida a decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) que cassou o registro do ex-governador com base na Lei Ficha Limpa.

O ex-governador Cunha Lima pretende disputar uma vaga no Senado da República nas eleições 2010.

O parecer da PGE opina pelo desprovimento do recurso interposto por Cássio que, entende Sandra Cureau, é inelegível por 8 anos nos termos do artigo 1º, I, “J”, da LC 64/90, com as alterações introduzidas pela LC 135/2010 (a Lei da Ficha Limpa).

A Procuradoria Geral Eleitoral lembra que a Lei da Ficha Limpa, entendendo é aplicável nas eleições deste ano por decisão do próprio TSE, sem que ofenda o princípio da irretroatividade.

 

Portal Correio da PB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Saiba como será o plano de vacinação para o combate a Covid-19, na Paraíba

Em entrevista a imprensa, o Secretário Executivo de Gestão da Rede de Unidades de Saúde, Daniel Beltrami, destacou detalhes do plano de vacinação para quando a vacina de combate ao…

Filho de Bolsonaro posta foto com arma de fogo no Planalto

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) postou nas redes sociais nesta quinta-feira (03/11), uma foto ao lado do pai, o presidente Jair Bolsonaro e dos outros três irmãos no gabinete presidencial…