Por pbagora.com.br

A cidade de São José do Sabugi, no Sertão paraibano, teve um só um candidato a prefeito nas eleições 2020, de acordo com os dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O atual prefeito, Segundo Domiciano (DEM), que todos pensavam que não se dedicaria tanto ao processo, por precisar apenas de seu próprio voto para ser eleito, caiu na rua e obteve uma votação expressiva e formou uma expressiva bancada de vereadores.

Domiciano e seu atual vice-prefeito, Tantico (Cidadania), obtiveram 3. 218 mil votos, 91,58% dos votos válidos. E não foi somente no executivo que o prefeito mostrou seu empenho as nove vagas da Câmara Municipal serão ocupadas por correligionários: todos são filiados ao Democratas.

Segundo a plataforma DivulgaCand, do TSE, foram feitas quatro convenções partidárias no município este ano. O PT e o PSDB, em suas convenções, optaram por não lançar nenhum candidato a prefeito nem a vice-prefeito. Já o DEM e o Cidadania resolveram concorrer coligados. Em 2016, a chapa eleita concorreu apenas com outra chapa, encabeçada por Karine Cabrall (PSD).

Conforme a Lei das Eleições, um candidato precisa, para ser eleito, de 50% dos votos válidos mais um. Votos brancos e nulos não contam como válidos. No caso de municípios com apenas um concorrente, basta um único voto válido para que o candidato seja eleito. Na prática, portanto, Domiciano só precisava do próprio voto para assegurar mais quatro anos de mandato.

Redação

Notícias relacionadas

Levantamento do PB Agora contabiliza 10 nomes cotados para disputar única vaga da Paraíba no Senado em 2022

Um levantamento feito pela reportagem do PB Agora contabilizou ao menos dez nomes cotados para ingressar na disputa pela única vaga da Paraíba no Senado Federal nas eleições de 2022.…