Por pbagora.com.br

O julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula hoje, pelo STF, provocou embates, na sessão de ontem da Câmara Municipal de João Pessoa, entre os vereadores Lucas de Brito (PSL) e Marcos Henriques (PT).

 

Segundo Lucas, que defende a condenação de Lula em 2ª instância: “Se o cumprimento da pena for alterado exclusivamente por este caso, o combate à corrupção sofrerá um revés no país”, disse.

 

Já o petista Marcos Henriques, acusou o Judiciário de perseguir o dirigente petista: “Passaram por cima de mais de 240 processos anteriores ao de Lula com a única razão de proibi-lo de concorrer à Presidência da República nas próximas eleições”.

 

Redação

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Jurídico do PT vai recorrer de pedido do MPE contra candidatura de Anísio

Em razão do pedido realizado pelo promotor eleitoral, Alexandre Varandas Paiva, feito à Justiça Eleitoral, o representante jurídico da Coligação PT e PCdoB ‘Unidos por João Pessoa’, Anselmo Castilho, afirma…

Opinião: Damião Feliciano senta no banco de reserva sem deixar de observar jogo eleitoral e as consequências pós 2020

O deputado federal Damião Feliciano (PDT) reapareceu na cena política após agir e articular a eleição indireta na cidade de Bayeux, que elegeu a vereadora Luciene de Fofinho (PDT) prefeita…