A Paraíba o tempo todo  |

Opinião: Marmuthe Cavalcanti dissemina fake news sobre agência da CEF no Valentina

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Certa vez o filósofo grego Aristóteles, com toda sua sapiência disse: “Que vantagem têm os mentirosos? A de não serem acreditados quando dizem a verdade”. Pois bem, o vereador de João Pessoa, Marmuthe Cavalcanti (PSL) deve tomar para si tal ensinamento, uma vez que, de forma no mínimo equivocada, postou em suas redes sociais que a Caixa Econômica Federal (CEF) estaria abrindo a primeira agência daquela instituição financeira no bairro do Valentina Figueiredo em decorrência de um requerimento que partiu do seu gabinete no ano de 2014.

Conseguimos a aprovação da Caixa Econômica no Valentina, desde 2014, que solicitamos através do Requerimento 1692/2013. Após reuniões com representantes do banco, em João Pessoa e em Brasília, prometeram instalar esta agência, fizeram o projeto, e até enviaram técnicos ao local.

Eu não duvido do expediente. Afinal, é dever de um agente público eleito pelo voto popular solicitar melhorias para a sociedade. Mas ocupar as plataformas digitais para postar absurdos é algo sério, podendo ser tratado, inclusive, como uma fake news.

E digo isso com a mais pura tranquilidade, pois todos sabem que o prefeito Cícero Lucena (PP), ao lado da senadora Daniella Ribeiro (PP), foi a Brasília em dezembro do ano passado, a fim de ter uma audiência com presidente da CEF, Pedro Guimarães, cujo assunto da agência no Valentina Figueiredo entrou na pauta. Além dessa visita, o progressista manteve compromissos em outros órgãos federais.

A visita do chefe do Executivo de João Pessoa também foi intermediada pelo deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP), recebendo o respaldo dos vereadores que integram a base governista de Cícero Lucena, cuja luta por uma agência da CEF no Valentina é classificada pelos moradores do bairro como histórica.

Então, Marmuthe Cavalcanti, ao postar tal luta histórica, “esqueceu” de mencionar os nomes de Cícero, Daniella, Aguinaldo e dos colegas da Câmara Municipal de João Pessoa. Além de não registrar que Pedro Guimarães esteve in loco no Valentina Figueiredo com os já citados, no intuito de “bater o martelo” é anunciar a instalação da instituição financeira naquele bairro.

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe