Por Eliabe Castor

O poder da palavra, dos pensamentos, da própria sapiência humana ultrapassa as barreiras físicas, pois todos nós somos de uma espécie. Beligerante em muitos fatores, solidários noutros. Assim é a essência do homo sapiens sapiens. Migrando do latim para o português, trata-se do “homem que sabe o que sabe”.

E realmente, na história da humanidade, eu e você somos privilegiados por sermos da espécie humana chamada sapiens sapiens. Vivemos por aqui há pouco mais de 40 mil anos. Em escala antropológica e arqueológica trata-se de um piscar de olhos, mais esse piscar nos levou, por exemplo, até a Lua.

Hoje, no entanto, estamos a vivenciar grandes guerras, catástrofes naturais e algo que jamais ocorreu em nossa história. Conflitos mundiais. Continentes em luta. Somado a tudo isso vêm ou surgem às pandemias. Gripe espanhola era a mais recente, até surgir no final de 2019 a letal Covid-19.

E por mais que o negacionismo fale em todo o globo que se trata de uma “gripezinha”, o coronavírus existe e já ceifou a vida de mais de um milhão de seres humanos no planeta chamado Terra.

Agora entro em uma parte da parcela humana. Aquela destinada ao homo sapiens sapiens. O “homem que sabe o que sabe”. E nesse aspecto o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), em amplo comum acordo com seus pares, decidiu suspender in loco as ações da Casa de Epitácio Pessoa a fim de resguardar a vida dos servidores e parlamentares. Tal decisão ocorreu em março, quando a pandemia migrava para uma curva ascendente súbita e vertiginosa.

Trabalhos por videoconferência e recordes

Curiosamente, aliás digo, o efeito de preservar vidas e garantir o bem-estar da população, desde o início da pandemia causada pelo novo Coronavírus (Covid-19), a ALPB tem mantido o recorde de produção com um aumento de 320% na elaboração de matérias, em relação ao mesmo período do ano de 2018. O enfrentamento da doença tem sido o objetivo principal das atividades da Casa, que tem aprovado leis fundamentais para a população paraibana, fiscalizado o Poder Executivo e aprimorado políticas públicas.

Entre a suspensão dos trabalhos presenciais na e o início das sessões extraordinárias em 23 de março, através do sistema de videoconferência, e as últimas votações ocorridas até 07 de outubro de 2020 foram aprovadas 4.292 matérias. As propostas aprovadas incluem projetos de Lei (PLs), projetos de resolução (PREs), projetos de lei complementar (PLCs), Medidas Provisórias (MPs), vetos do governador, pedidos de informação, entre outros dispositivos. Em 2018, último ano da legislatura passada, em que as atividades não tiveram interrupção, foram apenas 1.015 matérias aprovadas.

E nesse cenário de guerra causado por um inimigo invisível, Galdino, a Mesa Diretora e todos os seus pares parlamentares vêm contribuindo para minimizar os efeitos do novo coronavírus.

Apenas um exemplo para não encher a página virtual. Em julho, Galdino, anunciou o repasse de mais de R$ 2 milhões ao Poder Executivo para investir em ações de combate à doença. Em informação do próprio presidente da ALPB, 50% do valor foi direcionado à Secretaria de Desenvolvimento Humano para a compra de alimentos destinados à população mais carente do estado.

A outra metade do recurso foi direcionado à Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia em apoio a pesquisas, para contemplar os seguimentos de testes, certificação, diagnóstico e aquisição de equipamentos. Então, existem políticos sérios, outros não. E a ALPB dá um belo exemplo ao país, em harmonia com o Governo do Estado e Judiciário paraibano. E a Paraíba agradece.

 

Eliabe Castor
PB Agora

Por Eliabe Castor

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Volta às aulas: Adufpb critica MEC e cobra testagem e segurança sanitária

A portaria do MEC, determinando o retorno das aulas presenciais nas entidades de ensino superior, gerou reação na comunidade acadêmica.  O presidente do Sindicato dos Professores da UFPB (Adufpb), Fernando…

Desvio de verba: ex-prefeito de Pilõezinhos e parentes entram na mira da justiça

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) ofereceu, nesta terça-feira (1º/12) denúncia contra o ex-prefeito do município de Pilõezinhos, Rosinaldo Lucena Mendes; o sobrinho dele e a ex-esposa desse sobrinho, por…