Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa ordinária.Em pronunciamento, à bancada, senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB). À esquerda,Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Membro da Comissão de Educação (CE) do Senado Federal, o Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) rechaçou a decisão do presidente da República, Jair Bolsonaro, de enviar ao Congresso Nacional o Projeto de Lei N° 18, DE 2019, que estabelece remanejamento de recursos, retirando da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) quase R$ 2,3 milhões em verbas para seu custeio. Veneziano lamenta que, mais uma vez, o presidente Bolsonaro mostre seu descompromisso com a educação pública, fazendo esse remanejamento de verbas para atender emendas de parlamentares.

“Hoje pela manhã os meios de comunicação do país trouxeram que o presidente Jair Bolsonaro fez um remanejamento orçamentário de R$ 3 bilhões, sendo que R$ 2 bilhões foram utilizados para pagamentos de emendas parlamentares. R$ 1 bilhão desses recursos remanejados foram retirados do Ministério da Educação. Ou seja, além dos bloqueios e contingenciamentos para com as universidades, Institutos Federais, etc, tivemos esse prejuízo a mais e que esses (prejuízos) serão mais impostos ao Nordeste. No nosso caso, aqui em Campina, mais de R$ 2,2 milhões foram retirados da UFCG, além de R$ 13 milhões que estavam alocados para o centro de Convenções de Campina Grande”, disse Veneziano. Veja o depoimento completo: https://youtu.be/B6eu0JWBGTg

Como defensor do ensino público gratuito e de qualidade, Veneziano repudiou a atitude e disse que o governo do presidente Jair Bolsonaro deveria rever esse posicionamento nocivo e fortalecer as universidades federais, destinando mais recursos para o ensino, a pesquisa e a extensão.

Ao lembrar que foi contra a Emenda Constitucional 95, que limitou recursos para áreas como Saúde e Educação, Veneziano garantiu continuar na defesa de uma formação superior de qualidade e um ensino capaz de tornar o Brasil uma referência na América.

Assessoria de Imprensa

Total
4
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Novo secretário do PSB/PB, Buba volta a pregar união de RC e João

O novo capítulo no PSB paraibano, com a saída oficial do ex-presidente da sigla na Paraíba Edvaldo Rosas, além do governador João Azevêdo e do senador Veneziano Vital do Rêgo…

Estela nega rasteira e prega alinhamento de integrantes da executiva do PSB

A deputada estadual Estela Bezerra (PSB) negou, na manhã desta quinta-feira (14) que tenha havido rasteira para a formação da comissão provisória do PSB na Paraíba. As declarações da parlamentar…