Por pbagora.com.br

Nesta sexta-feira (27), durante entrevista, o prefeito interino de Patos, Ivanes Lacerda (MDB), lamentou a derrota sofrida na Câmara Municipal durante votação do código tributário.

Ivanes Lacerda declarou que não haverá convocação dos vereadores em Sessão Extraordinária com o intuito de apreciar novamente o código tributário. Para o gestor, por se tratar de tributos, caso fosse aprovado, o texto só teria a validade em 2021. Desta forma, não existe a necessidade de uma nova convocação em janeiro

Neste caso, o prefeito de Patos declarou que será ainda mais complicado reduzir os efeitos da crise econômica no município. “Não se fala mais em código tributário no Poder Legislativo em 2020, que só valeria para 2021. E esse inimigos de Patos estarão vivos em 2021, então, não tenho mais o que discutir com o Legislativo sobre o código tributário, declarou o prefeito.

 

PB Agora

Notícias relacionadas

Ministro destaca empenho de Efraim Filho e promete investimento no Sertão da PB

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, prometeu investimento em uma rota turística no Sertão da Paraíba e destacou o empenho do deputado federal Efraim Filho na promoção do turismo.…

Empresa não pode ser responsabilizada por danos em medidor instalado na parte externa do imóvel

Seguindo o voto do desembargador José Ricardo Porto, relator da Apelação Cível nº 0800501-38.2018.815.0731, a Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba entendeu que a empresa JP Distribuidora…