Por pbagora.com.br

Nesta sexta-feira (27), durante entrevista, o prefeito interino de Patos, Ivanes Lacerda (MDB), lamentou a derrota sofrida na Câmara Municipal durante votação do código tributário.

Ivanes Lacerda declarou que não haverá convocação dos vereadores em Sessão Extraordinária com o intuito de apreciar novamente o código tributário. Para o gestor, por se tratar de tributos, caso fosse aprovado, o texto só teria a validade em 2021. Desta forma, não existe a necessidade de uma nova convocação em janeiro

Neste caso, o prefeito de Patos declarou que será ainda mais complicado reduzir os efeitos da crise econômica no município. “Não se fala mais em código tributário no Poder Legislativo em 2020, que só valeria para 2021. E esse inimigos de Patos estarão vivos em 2021, então, não tenho mais o que discutir com o Legislativo sobre o código tributário, declarou o prefeito.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Presidente do PT na PB silencia mesmo após ‘pé de guerra’ com executiva nacional

Mesmo diante de todo o burburinho que a intervenção da Executiva Nacional do PT na candidatura de Anísio Maia (PT) tem causado dentro da sigla em João Pessoa e na…

PSB registra ex-vereadora Paula Frassinete vice na chapa de RC na disputa de JP

A executiva municipal do PSB em João Pessoa registrou junto ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba a candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) à sucessão municipal, tendo como vice a…