Em nota encaminhada à imprensa nesta terça-feira (08), a prefeitura de Cabedelo negou qualquer tipo de envolvimento com as empresas alvos da 5ª fase da Operação Xeque Mate, deflagrada na manhã de hoje.

Segundo a gestão, todas as licitações sob investigação ocorreram durante a administração do ex-prefeito, Leto Viana.

CONFIRA NA ÍNTEGRA

NOTA

A Prefeitura Municipal de Cabedelo vem a público esclarecer que não mantém NENHUM contrato vigente com a empresa investigada na 5ª fase da operação Xeque-Mate, deflagrada na manhã desta terça-feira (8).

As licitações sob investigação ocorreram durante a administração do ex-prefeito, Leto Viana.

A atual gestão reitera o compromisso com a transparência de seus atos administrativos e se coloca à inteira disposição da Justiça e dos órgãos fiscalizadores para colaborar com as investigações no que for preciso.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: quem deseja a morte do presidente Jair Bolsonaro, no mínimo, é igual a ele

Um dos mais deploráveis textos que li, em toda a minha vida, foi o publicado na edição da Folha de São Paulo da terça-feira (7). Da lavra de Hélio Schwartsman,…

Prefeito de Uiraúna paga fiança e aguarda alvará de soltura

O prefeito afastado de Uiraúna, João Bosco Nonato Fernandes, pagou fiança de R$ 522,5 mil estipulada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello. No entanto, ainda não…