A Paraíba o tempo todo  |

Nilda Gondim assume mandato no Senado Federal no lugar de Maranhão

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A ex-deputada federal Nilda Gondim (PMDB-PB) vai assumir esta semana o mandato de Senadora da República, com a licença do senador José Maranhão (PMDB-PB), que está em tratamento de saúde por conta da Covid-19. Ela afirmou que seu propósito será o de trabalhar pela Paraíba, contribuindo para o desenvolvimento dos municípios.

“Estamos assumindo em circunstâncias indesejáveis, em face do momento delicado e de recuperação por que passa o amigo e companheiro, senador José Maranhão, mas temos plena convicção do nosso dever, neste período em que estaremos cumprindo a missão de representar a Paraíba no Senado Federal, que será o de ajudar nosso estado, contribuindo para o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida dos paraibanos”, afirmou Nilda Gondim.

Ela destacou o período em que exerceu o mandato de deputada federal pela Paraíba e afirmou que terá o mesmo propósito, exercendo, agora no Senado Federal, um mandato que dignifique os paraibanos. “Da mesma forma como exercemos o mandato na Câmara Federal, vamos nos esforçar, no Senado, para que a Paraíba continue bem representada”.

Nilda Gondim

Nilda Gondim foi deputada federal pela Paraíba no período de 2011 a 2015. Ela é filha do ex-governador da Paraíba Pedro Moreno Gondim e viúva do ex-deputado federal e tribuno Vital do Rêgo, com quem teve três filhos: o ministro do Tribunal de Contas da União – TCU, Vital do Rêgo Filho; o Senador da República Veneziano Vital do Rêgo; e a médica Rachel Gondim.

Filiou-se ao antigo PMDB (hoje MDB) no ano de 2009. Em 2010 foi candidata a deputada federal pela Paraíba, elegendo-se com 79.412 votos. Em seu mandato como deputada federal, exerceu cargos nas comissões de Defesa do Consumidor; Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; Seguridade Social e Família; e de Constituição, Justiça e Cidadania – CCJ.

Na Câmara, Nilda Gondim também teve destacada atuação em várias Comissões Provisórias, sendo vice-presidente da Comissão que definiu Crédito Educativo para alunos carentes; além de compor as comissões que analisaram a criação do programa “Pão Brasileiro”; que definiu a igualdade de direitos trabalhistas; que definiu a carreira do policiamento de trânsito; que definiu transporte como direito social; que definiu a remuneração dos advogados públicos; que investigou as causas da tragédia na Boate de Santa Maria-RS; dentre outras.

Como deputada, Nilda Gondim teve uma destacada produção legislativa, com quase 700 proposições, entre Projetos de Lei, Emendas, Requerimentos, Substitutivos, dentre outros. Também teve participação efetiva em debates importantes do parlamento, em temas como Saúde, Educacao, Política e Administração Pública, Cultura, Esporte e Economia, com destaque para a defesa das Minorias e do Municipalismo.

Em seu mandato parlamentar, Nilda Gondim apresentou projetos importantes e de grande relevância, a exemplo do que proíbe o uso de cerol em linhas para soltar pipas; o que estabelece mais rigor para a liberação de alvarás de funcionamento de boates, casas de shows e outros estabelecimentos para evitar tragédias como a da Boate Kiss, em Santa Maria-RS; e um que já foi transformado em Lei, que altera o Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA para conceder prioridade na fila de adoção para as crianças com deficiência ou doenças crônicas.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe