Santiago admite pela primeira vez que Zé Maranhão pode não ser o indicado a ocupar cargo no Governo de Dilma

O deputado federal, Wilson Santiago (PMDB), admitiu pela primeira vez, durante entrevista na tarde desta segunda-feira (6), que governador José Maranhão (PMDB) pode não ocupar ministério no Governo Dilma, e a indicação pode ser de outro político paraibano.

A revelação surpreendeu porque muitos políticos que fazem oposição ao governador, a exemplo de Cássio Cunha Lima (PSDB) defendeu seu nome para o ministério, esquecendo as divergências.

“Nós defendemos o nome de Maranhão, queríamos que ele tivesse um lugar de destaque, mas pode ser outro nome. Dependendo do Governo de Dilma e o indicado preencher os requisitos. O governador tem respeito e credibilidade com a presidente”.

Wilson explicou que as indicações passam também pelo partido e no caso do PMDB existem políticos qualificados em todo o país. Ele acrescentou ainda que algumas regiões podem não comportar ministérios por não se enquadrar no perfil desejado e citou o Ministério da Agricultura que com certeza não será do Nordeste.

“O ministério da Agricultura, por exemplo, não será nosso porque o Nordeste não é um grande produtor, isso contribui muito para a indicação. Os outros Estados levam vantagens nesse caso”.

 A entrevista foi concedida ao Programa Correio Debate, na 98FM.

 

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Luciano Cartaxo leva “puxão de orelhas” em público de Damião durante encontro

Um encontro em Brasília entre o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) e bancada paraibana no Congresso Nacional, na última terça-feira (8),  resultou num puxão de orelha para o…

Deputada estadual exonera assessor acusado de assédio

A deputada estadual Doutora Paula (PP) exonerou um de seus assessores, após ele ser acusado de assédio sexual e de divulgar nas redes um vídeo íntimo da mulher assediada. O…