CONTAGEM REGRESSIVA: José Maranhão e Ricardo Coutinho têm 24 horas para encaminhar ao TRE-PB a prestação final de contas de campanha

Ricardo Coutinho (PSB) e José Maranhão (PMDB) que disputaram o cargo de governador do estado no segundo turno das eleições têm até amanhã, terça-feira (30) para encaminharem ao TRE as prestações finais de contas de campanha.

Na prestação apresentada no dia 3 de setembro, o governador eleito Ricardo Coutinho apresentou despesas no montante de R$ 2.308.095,28 e uma receita de 1.024.172,11.

Já o governador Zé Maranhão, que não obteve êxito nas urnas, havia arrecadado R$ 1.269.544,00 e gastado R$ 3.997.824,37.

Os candidatos que disputaram os cargos de deputado federal, deputado estadual e senador tiveram até o dia 2 de novembro para prestarem contas de seus gastos de campanha.

De acordo com o TSE, a não prestação de contas impede a obtenção de certidão de quitação eleitoral no curso do mandato ao qual o candidato concorreu. Os candidatos ainda podem responder por abuso do poder econômico.

O partido, por si, ou por intermédio de comitê financeiro que descumprir as normas de arrecadação e gastos de recursos da campanha eleitoral perderá o direito ao recebimento da quota do fundo partidário do ano seguinte ao da decisão.

 

Redação com TRE
 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Deputado critica Cartaxo por proibir Feira Agroecológica, em João Pessoa

O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) repudiou, nesta semana, a decisão da Prefeitura de João Pessoa que proibiu a realização da Feira Agroecológica do Ponto de Cem Réis, organizada por…

Governador nomeia novo procurador-geral do Tribunal de Contas do Estado

O governador João Azevêdo (PSB) já escolheu o novo procurador-geral do Ministério Público de Contas do Tribunal de Contas do Estado e a indicação recai sobre o nome de Manoel…