Por pbagora.com.br

Auditoria do TCU indicou que o Rio recebeu apenas 0,65% nos últimos cinco anos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chamou de “levianas” as denúncias de que a Bahia teria sido beneficiada de forma desigual pelas verbas de prevenção a catástrofes. Lula saiu em defesa do seu ex-ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Filho, que deve concorrer ao governo da Bahia e é acusado de beneficiar seu Estado em detrimento do restante do país.

– Não é possível que diante da desgraça que ocorreu no Rio de Janeiro alguém fazer uma leviandade dessa […] O que eu acho pobre nesse país é que as pessoas esperam uma desgraça dessa para fazer joguinho político pequeno.

Uma auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) indicou que o Rio de Janeiro e seus municípios receberam apenas 0,65% da verba liberada no período entre 2004 e 2009, enquanto a Bahia recebeu no mesmo período R$ 133,2 milhões, ou 37,25%.

Hoje ,o governo federal anunciou a liberação emergencial de uma MP (medida provisória) de R$ 200 milhões para ajudar as vítimas da tragédia no Rio de Janeiro. O Estado enfrenta a pior temporada de chuvas dos últimos 44 anos, que já matou mais de 160 pessoas.
 

 

R7

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em rede social, Lula diz ter testado positivo para covid e que fez quarentena em Cuba

O ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva usou seu perfil numa rede social para comunicar que recentemente testou positivo para a covid-19. De acordo com a postagem, Lula…

Cícero Lucena evita contabilizar quantos vereadores terá na base

Nesta quinta-feira (21), o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas), declarou que no momento não há uma preocupação sobre quantos vereadores estarão na sua base na Câmara Municipal ou…