Um encontro em Brasília entre o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) e bancada paraibana no Congresso Nacional, na última terça-feira (8),  resultou num puxão de orelha para o prefeito da capital, por parte do deputado federal Damião Feliciano (PDT).

O episódio ocorreu na última terça-feira (8), em Brasília (DF), durante encontro para discutir a liberação de emendas coletivas e individuais ao Orçamento da União dos deputados da Paraíba. No encontro, realizado no Plenário 14 da Câmara dos Deputados, o primeiro a falar foi o deputado federal Efraim Filho (DEM), coordenador da bancada composta por três senadores e 12 deputados da Paraíba. Em seguida, utilizaram da palavra o governador João Azevêdo (PSB) e o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD).

Quando chegou na sua vez de utilizar o microfone, o prefeito Luciano Cartaxo se incomodou com um grupo de três deputados (Aguinaldo Ribeiro, do PP; Hugo Motta, do PRB; e Gervásio Maia, do PSB),  que conversavam entre si – num tom não muito alto –, próximo à mesa composta para o encontro.

Causando espanto a todos, Cartaxo parou de falar e cobrou silêncio aos três deputados, alegando que “ninguém estava conversando” quando das falas dos oradores anteriores a ele. Cartaxo pediu, “por gentileza”, que eles se calassem e fizessem silêncio. Num clima de constrangimento e de surpresa, os três parlamentares levaram na brincadeira “o pito levado” e sorriram.

Antes de Cartaxo retomar seu discurso, o deputado Damião Feliciano pediu a palavra e disparou em direção ao prefeito da capital paraibana: “Possivelmente, por falta de experiência no Legislativo federal, o senhor não sabe como as coisas se encaminham aqui. Provavelmente, a conversa entre os três parlamentares pode até ser de como angariar verbas para a cidade de João Pessoa”. A intervenção de Damião arrancou gargalhadas dos presentes ao recinto e a reunião teve prosseguimento.

A reunião de Brasília também contou com a participação de representantes de várias entidades e segmentos da Paraíba (hospitais, universidades, institutos federais etc.), além dos governos federal e estadual e das prefeituras de João Pessoa e Campina Grande. Na pauta, a discussão de prioridades de investimentos no estado da Paraíba. Em jogo, estavam R$ 247 milhões de emendas coletivas e R$ 15 milhões individuais de cada deputado. Mas os pedidos solicitados chegavam a R$ 1 bilhão.

Após a reunião, a bancada paraibana informou que iria filtrar os pedidos e analisar o que será prioridade. A reunião final dos deputados e senadores acontecerá no próximo dia 22 de outubro, quando irá se conhecer a definição e o destino dos cerca de R$ 472 milhões para a Paraíba e que serão apresentados ao Orçamento no dia 24.

“Vamos analisar o que é prioridade para o estado dentro da bancada, o que atende melhor ao interesse da população”, avisou, na oportunidade, o coordenador da bancada, Efraim Filho, informando que, até o dia 24, os deputados e senadores ainda estarão se encontrando com outros prefeitos paraibanos. “Temos que ouvir outras sugestões”.

No caso da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por exemplo, Luciano Cartaxo apresentou projetos avaliados em R$ 100 milhões, com propostas para educação, mobilidade urbana e pavimentação. Por outro lado, o governador João Azevêdo destacou a necessidade de obras de segurança hídrica no estado. Para Campina Grande, Romero Rodrigues quer recursos para obras nas áreas da saúde e da habitação.

 

Redação com Diário da Paraíba

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João contrapõe Bolsonaro e diz que ex-presidente Lula será bem-vindo à PB

Em um contraponto as declarações de Jair Bolsonaro (PSL) em Campina Grande na manhã desta segunda-feira (11), onde o presidente declarou em rápido contato com a imprensa que não iria…

“A grandeza é separar a gestão da política”, destaca Lígia em CG

A vice-governadora da Paraíba, Lígia Feliciano (PDT), participou, nesta segunda-feira (11) da solenidade de entrega de Casas do Complexo Habitacional Aluísio Campos, em Campina Grande e fez questão de parabenizar…