Após proferir críticas contra o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) e responsabilizar as deputadas Cida Ramos (PSB) e Estela Bezerra (PSB) pela crise no jardim girassol, que culminou na dissolução do diretório estadual do partido na Paraíba, o líder do governo na Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado Ricardo Barbosa, adotou um discurso mais ameno e agora evita polemizar não apenas a crise partidária, como também sua permanência nos quadros da agremiação.

Em entrevista nesta quinta-feira (26), Barbosa disse que o foco, nesse momento, é o trabalho. Segundo ele, a crise na legenda está temporariamente fora de pauta.

“Não tenho nenhuma informação nova a respeito disso (da crise). Nós estamos trabalhando. A orientação do governador João Azevêdo é justamente essa, para que nós sigamos com o trabalho. Esse assunto (crise no PSB) está fora de pauta, a gente segue na nossa batida de trabalhar forte, com o governador anunciando obras, ações, empreendimentos e a gente na Assembleia produzindo. A crise caminha para além do governo. A gente vai tocando sem ter muita preocupação com isso”, disse.

Sobre a tese de uma saída conjunta, uma desfiliação coletiva da sigla, Barbosa avisou que segue a orientação do governador, que tem dito que, quem tem tempo, não tem pressa.

“Orientação do governador é que nós temos tempo, não há porque antecipar, até porque essa é uma discussão absolutamente fora de pauta”, arrematou.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Democratas lança pré-candidatura de Raoni Mendes à Prefeitura da Capital

O Democratas lançou, na manhã desta terça-feira (28), a pré-candidatura de Raoni Mendes, para disputar a Prefeitura de João Pessoa, nas eleições deste ano. O lançamento aconteceu em casa de…

Democratas lança pré-candidatura de Raoni Mendes para PMJP

Nesta terça-feira (28), 0 partido Democratas da Paraíba lança a pré-candidatura de Raoni Mendes para a prefeitura de João Pessoa. De acordo com o deputado federal Efraim Filho, líder do…