Por pbagora.com.br

O líder do prefeito Cícero Lucena na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), o vereador Bruno Farias, avaliou o decreto assinto pelo chefe do Executivo municipal como necessário para conter a disseminação da covid-19 e evitar a superlotação de leitos na rede de saúde municipal.

Bruno disse que o decreto publicado na semana passada pelo gestor com restrições e toque de recolher é uma medida dura, mas que se torna necessária diante do atual momento da pandemia. “Não há governante que queira editar medidas restritiva que de alguma forma limitem a liberdade de comércio, a liberdade de ir e vir, porém é preciso enxergar o decreto como um ato de amor, afinal de contas, as pessoas estavam naturalizando demais essa situação pela qual passa João Pessoa”, argumentou o vereador.

O parlamentar chamou atenção para o avanço dos números relacionados às mortes e às contaminações pela covid-19, segundo ele, “a cada dia cresce o número de pessoas contaminadas e ocupando leitos de enfermarias”, disse.

 

PB Agora

Notícias relacionadas

Estados liderados por bolsonaristas encabeçam mortes por covid-19; veja posição da Paraíba

Um estudo feito pela unidade de inteligência do portal Congresso em Foco mostra que os estados que mais votaram em Jair Bolsonaro no primeiro turno das eleições presidenciais de 2018…

Opinião: Lava Jato só serviu para pôr a extrema-direita no Poder e quebrar o Brasil

Para melhor avaliar o estrago que foi a Lava Jato, basta que se observe o que era o Brasil antes e depois de instituída esta Operação. Tanto do ponto de…