Se depender do deputado Hervázio Bezerra (PSB), líder do governo na Assembleia Legislativa, o deputado federal Benjamim Maranhão que recentemente saiu do PMDB para presidir o Solidariedade irá integrar o arco de aliança dos partidos que apoiarão à reeleição do governador Ricardo Coutinho.
Contrariando alguns peemedebistas, Hervásio observou que “o PMDB teve baixas extremamente significativas, e cita como exemplo, o próprio Benjamim. O líder do governo admitiu tem buscado entendimentos com o novo Partido Solidariedade, comandado pelo deputado federal Benjamin Maranhão para que a legenda se incorpore à base governista.

– Benjamin já conversou mais de uma vez com o governador – revelou Hervázio.
Bezerra foi comedido com relação à concretização da chamada ´terceira via´ na política paraibana para disputar o governo em 2014.
“Será que o ministro Aguinaldo Ribeiro (PP) se dispõe a entrar nesse jogo?” – indagou, para frisar que o grande problema do ´blocão´ (PP/PSC/PT) é encontrar “um nome que reúna densidade eleitoral e tenha disposição para concorrer”. “É um salto no escuro”, sintetizou o líder.

O discurso do deputado Benjamim é outro e não se afina com as declarações de Hervásio . Ele nega aproximação com o Palácio da Redenção, e reafirma que a decisão de sair do PMDB foi tomada no sentido de garantir sua reeleição nas eleições do próximo ano.
Benjamin disse que o SDD na Paraíba ainda não definiu a candidatura que irá apoiar ao Governo do Estado. “Não tomamos nenhuma decisão ainda sobre alianças ao governo. A decisão vai ser tomada com calma e ouvindo o povo. Não há a vinculação do nosso partido com o PSB, mas eu não tenho problemas pessoais com ninguém”, disse Benjamin Maranhão.

O deputado inclusive convidou o vereador Rodrigo Ramos ex-PMN para presidir o Solidariedade em Campina Grande, importante colégio eleitoral do Estado. Rodrigo Ramos é aliado fiel do ex-prefeito Veneziano Vital do Rêgo, pré-candidato a governador em 2014, o que demonstra que o PMDB e o Solidariedade marcharão juntos.

PBAgora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Especialista paraibano acredita que privatização dos Correios pode ser um desastre

A decisão do governo do presidente da República Jair Bolsonaro (PSL), no último dia 21.08 de que os Correios estariam entre as nove empresas que estão no Plano Nacional de…

RC denuncia que Bolsonaro parou bombeamento da Transposição

Em entrevista concedida nesta sexta-feira (23) à emissora de rádio no Cariri paraibano, o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) denunciou que o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) parou o bombeamento…