Por pbagora.com.br

Apontado como um dos pré-candidatos à prefeitura de João Pessoa nas eleições desse ano, o deputado federal e presidente estadual do PSL na Paraíba, Julian Lemos silenciou e não comentou, até agora, a informação trazida pelo portal O Antagonista no último final de semana sobre uma aliança do partido do parlamentar com o Democratas, do deputado federal Efraim Filho, em torno da pré-candidatura do ex-deputado Raoni Mendes.

A reportagem do PB Agora enviou mensagens via whatsapp e também realizou ligações para o parlamentar, mas nenhuma foi respondida. Nas redes sociais, apesar de ser assíduo em suas postagens, Julian em nenhum momento toca no assunto ou aborda o tema. As mais recentes postagens dão conta da convenção do DEM em Cabedelo, onde o PSL está coligado em prol da reeleição do prefeito Vitor Hugo (DEM), mas sem nenhuma menção sobre as articulações na Capital.

A mais recente é de hoje, 07 de setembro, onde o parlamentar aproveita para destacar a importância da data.

“O deputado federal Julian Lemos, do PSL, chegou a se colocar como pré-candidato, mas o partido decidiu apoiar o candidato do DEM, Raoni Mendes, que foi, em 2012, o vereador mais bem votado da capital paraibana”, diz trecho da matéria de O Antagonista.  Raoni é o terceiro pré-candidato cotado para ter o apoio do PSL nestas eleições. O primeiro foi Nilvan Ferreira, do MDB e o segundo foi Eduardo Carneiro do PRTB.

Além de Julian, Raoni Mendes e o deputado federal Efraim Filho também não se pronunciaram sobre o tema, até agora.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Nilvan Ferreira anuncia proposta de concurso para Guarda Municipal em JP

O candidato a prefeito de João Pessoa, Nilvan Ferreira (MDB), anunciou, durante entrevista a uma emissora de TV local, caso seja eleito, deve realizar concurso para Guarda Municipal. O candidato também reafirmou que…

Presidente do MDB/JP chama de ‘falsas’ noticias que o colocam como alvo da PF

O presidente do diretório do MDB em João Pessoa, Alberto Gomes Batista, emitiu nota onde critica a divulgação de notícias que o colocam como investigado no âmbito da Operação Poço…