A Paraíba o tempo todo  |

Julgamento de Dilma poderá ter início em 23 ou 25 de agosto

Presidente da Comissão Especial do Impeachment, o senador Raimundo Lira (PMDB-PB) disse que a contagem considerando dias corridos ou úteis é que definirá a data de julgamento da presidente afastada Dilma Rousseff pelo Plenário do Senado.

“A acusação tem 48 horas pra entregar o libelo. Já acertaram com o presidente Lewandowski e vão entregar amanhã até as 13h. Isso reduz significativamente o prazo, podendo, a critério do presidente, ser marcado a partir do dia 23 ou 25 dependendo se os dias serão corridos ou úteis” disse.

O advogado da acusação, Miguel Reale Júnior, adiantou que vai apresentar três testemunhas que já estiveram na Comissão de Impeachment junto com o libelo.

O advogado de defesa usará seis testemunhas. Há especulações de que uma delas seria o procurador Ivan Marques, que afimou que pedaladas não são operações de crédito. Também disse que pode chamar alguém que já depôs na Comissão de Impeachment.

 

 

PB Agora

 

Foto: Reprodução TV Senado

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe