Por pbagora.com.br

O candidato do PSB ao Governo do Estado, João Azevêdo, se reuniu nesta terça-feira (18) com agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias do município de Campina Grande. Após ouvir os pleitos das lideranças dos sindicatos do setor, João se comprometeu com a principal pauta da categoria: a complementação do curso de Formação Técnica para Agentes de Saúde. Ele garantiu viabilizar a realização do curso através de convênio com a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). 

“Eu sei que vocês precisam completar esse curso com mais duas etapas e assumo o compromisso agora com vocês, que se o Ministério da Saúde não autorizar a realização do curso, nós vamos viabilizar via convênio com a Universidade Estadual da Paraíba”, afirmou João.

O candidato socialista lembrou que representa um projeto que garantiu avanços e que tornou a Paraíba um estado mais justo com as pessoas, principalmente aquelas que eram praticamente invisíveis aos olhos do Poder Público. “Não caí de paraquedas nesse processo e nem acordei um dia querendo ser governador. Construí uma trajetória e fui escolhido por um grupo para representar a continuidade desse projeto”.

Acompanharam João na agenda em Campina Grande, a vice-governadora Lígia Feliciano (PDT), o candidato ao Senado, Veneziano Vital do Rêgo (PSB), o deputado estadual, Adriano Galdino (PSB), a candidata a deputada federal, Ana Cláudia Vital (Podemos), o candidato a deputado federal, Anderson Almeida (Podemos), e o vereador de Campina e candidato a deputado estadual, Anderson Maia (PSB).

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Análise – Estariam Cícero Lucena e RC inelegíveis para 2020? Espalham que sim. Mas…

Partidários de Luciano Cartaxo (PV) e de Nilvan Ferreira (MDB) espalham por aí que, tanto Cícero Lucena (PP) como Ricardo Coutinho (PSB) estariam inelegíveis para as eleições municipais deste ano.…

Grupo de Kita aciona justiça para barrar eleição indireta em Bayeux

O grupo aliado do prefeito  interino da cidade de Bayeux, Jefferson Kita, do Cidadania, cumpriu com a palavra e acionou a justiça para tentar abortar a realização de eleições indiretas…