A Paraíba o tempo todo  |

João volta a negar ‘queda de braço’ com Cícero por conta de decretos

O governador João Azevêdo (Cidadania) rechaçou, mais uma vez, a tese de ‘conflito’ com o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (Progressistas), após a recente decisão da Justiça da Paraíba que, atendendo recurso da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), liberou o funcionamento de academias e escolinhas na capital.

“Às vezes as coisas são colocadas como disputa entre estado e município, coisa que não é. Essa é uma questão de visão técnica daquilo que precisa ser colocado. E, na verdade, imaginar que alguém venceu ou perdeu é diminuir muito o problema”, afirmou.

João disse que vai decidir, após reunião nesta segunda-feira (7), se o Estado irá recorrer ou não da decisão judicial. Ele evitou fazer juízo de valor sobre a mesma.

“Decisão judicial não se acha isso ou se acha aquilo. Se cumpre. Acabou. Foi tomada a decisão e cabe ao Estado decidir se vai recorrer ou não. Ainda hoje vou me reunir com a equipe e saber se nós vamos recorrer”, adiantou.

 

Da Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe