A presidente da Câmara Municipal de Campina Grande, vereadora Ivonete Ludgério (PSD), respondeu as críticas do pré candidato a Prefeitura Municipal de Campina Grande, Arthur Bolinha (PSL), que declarou que a atual legislatura da Câmara é “uma das piores de toda a história.

Ivonete rebateu o empresário e disse que ele é um candidato de elite, e que não tem voto nem “para ser eleito vereador”
“É um candidato de elite, que não tem voto para ser vereador. Eu desafio ele a renunciar a candidatura de prefeito e ser candidato a vereador, para ele vir com a elite dele aqui pra dentro. Esse desafio está lançado, para quem quiser ouvir, certo?”.
Durante um dos expedientes da Câmara, na manhã desta terça-feira(03), a presidente Ivonete usou a palavra e teceu duras críticas ao comentário do pré-candidato do PSL.

“Esse é o desabafo de uma pessoa comum, de 53 anos de idade, que nunca teve apadrinhamento político e a mão de ninguém. Meu único padrinho foi meu pai, que me educou, com o suor do rosto dele, e meu marido(deputado estadual Manoel Ludgério), que anda comigo pelas ruas dessa cidade, quando preciso ir pedir voto”, disse Ivonete.

Sobre a atual legislatura ser tida por Bolinha, como uma das piores, Ivonete disse que os vereadores é uma “escolha do povo”, e não de famílias A ou B, mas que há nomes na Casa que “não representa a elite”. “Esqueceram que quem escolhe os representantes não é as elites, mas o povão, e o povão escolheu a gente”, afirmou.

“Se houve uma insatisfação do povão com nosso trabalho, não seremos mais escolhidos. Mas não vai ser os sobrenomes importantes. Um candidato a prefeito de Campina Grande falar isso, e um homem desse ainda quer ser votado?”, questionou Ludgério, em seguida completando que Bolinha “é candidato e que não tem voto nem para vereador”.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: 3ª cidade mais rica da PB, Cabedelo apresenta cenário de miséria com renda per capita de meio salário mínimo

O município de Cabedelo tem aproximadamente 68 mil habitantes, dos quais 39.2% da população recebe, apenas, um rendimento médio de meio salário mínimo por pessoa a cada domicílio, segundo dados…

Cabo Gilberto bate de frente com orientação de isolamento e cobra reabertura do comércio

Deputado Cabo Gilberto cobra retorno gradativo do comércio em Mangabeira: “Mudem essas ações” Na contramão das recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do próprio Ministério da Saúde, o…