Por pbagora.com.br

O advogado e analista político Gilvan Freire (PMDB) traçou na tarde desta sexta-feira (07), um panorama em torno dos rumos políticos para 2010. Em uma observação bastante perspicaz Freire analisou um avanço na candidatura de Cícero (PSDB), pelo menos em amenizar o suposto euforismo do cassismo em relação a uma aliança de Cássio com o prefeito Ricardo Coutinho (PSB).

Conforme Freire, Cícero ao estabelecer uma pré-candidatura e se lançar em peregrinação pelo interior do Estado pressionou as lideranças do partido a respeitarem a fidelidade partidária. Outro ponto que, conforme Freire, é trabalhado por Cícero, é o fato de que, caso Ricardo Coutinho vença, os partidários do PSDB e aliados não ganharão nada. “Ganhar com Ricardo Coutinho é ganhar e não levar e é essa a tônica de Cícero”, disse.

Freire ainda analisa: “De sessenta dias para cá, à medida que Cícero fez uma resistência política, ele tentou enquadrar os lideres do partido, pois o que cometer infidelidade não poderá disputar pelo partido no próximo pleito”.

Em outra breve observação, Freire considera que apenas três motivos foram os responsáveis por ter nascido em Cícero à vontade de se candidatar ao governo do Estado. A primeira, conforme o analista, é que Cícero não tem nada a perder, já que continuará senador por mais quatro anos; a segunda é que Cícero quer evitar que o Cassismo se entenda com Ricardo Coutinho e a terceira é simplesmente fazer um palanque para o candidato do PSDB, José Serra, na Paraíba em 2010.
 

A analise do ex-parlamentar foi veiculada na tarde de hoje, durante entrevista ao programa Rádio Verdade do Sistema Arapuan FM.

PB Agora

Notícias relacionadas

STF nega pedido de ex-governador RC de se ausentar de João Pessoa

O ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (psb) teve seu pedido de habeas corpus negado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes. A solicitação tinha objetivo de flexibilizar da…

Ao PB Agora, Ludgério fala sobre pós covid e faz desabafo: “Estou renascendo”

Ter se curado da Covid-19 não significou o fim da luta contra a doença para o deputado estadual Manoel Ludgério (PSD). Ele foi diagnosticado com o vírus no começo de…