A Paraíba o tempo todo  |

Gervásio celebra aproximação nacional entre PSB e PT, mas diz que ainda não é momento de falar em aliança na PB

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O deputado federal e presidente do PSB da Paraíba, Gervásio Maia, viu com bons olhos a reunião do pré-candidato a presidente Lula com lideranças do PSB de Pernambuco. Ele defende que todos os partidos de oposição se unam para derrotar o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nas eleições do ano que vem.

“Lá em Brasília a gente tem conversado muito sobre isso com a cúpula dos partidos e a nossa ideia é que a gente possa unir todos os partidos da oposição, do nosso campo, para que a gente possa chegar em 2022 com a maior força possível para derrotar o negacionismo e o entreguismo comandado pelo atual presidente”, afirmou.

Apesar disso, ele não garantiu que na Paraíba PSB e PT estejam juntos em uma aliança. Nos próximos dias, o ex-governador Ricardo Coutinho e os deputados estaduais Jeová Campos, Estela Bezerra e Cida Ramos deixarão o PSB com destino ao PT.

“Eu ainda não tenho ideia do que cada partido vai formatar. Inicialmente, e até por estratégia, eu digo que uma coisa de cada vez: primeiro a aliança nacional, depois as composições nos estados. Seja através de alianças ou de candidaturas próprias. Mas cada coisa no seu momento”, finalizou.

As falas do parlamentar foram registradas de entrevista ao programa ‘Arapuan Verdade’, nesta segunda-feira (16).

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      5
      Compartilhe