A oposição bem que tentou, mas acabou sendo voto vencido na votação da Lei Orçamentária Anual, realizada nesta terça-feira (29), na Assembleia Legislativa da Paraíba.

A matéria foi aprovada por 22 votos e sem alteração alguma. O projeto foi votado conforme a proposta original do Governo do Estado da Paraíba.

A sessão desta quarta-feira (29) contou com quórum expressivo por parte principalmente dos governistas.

A proposta foi aprovada, ainda nesta manhã, pela Comissão de Orçamento da Casa, que rejeitou a proposta de orçamento do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) para 2018 e aprovou a encaminhada pelo Poder Executivo.

De acordo com o deputado Jeová Campos, a comissão tomou por base a realidade econômica financeira do país e da Paraíba para rejeitar a proposta de incremento de R$ 28 milhões de reais no orçamento do TJ. O parlamentar questionou a ausência de orçamento para impedir que comarcas sejam fechadas e a previsão de R$ 18 milhões no orçamento do TJ para cobrir planos de saúde no Poder Judiciário.

O texto original também havia sido aprovado ontem no âmbito da Comissão de Constituição e Justiça da ALPB.

 

 



PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: a metáfora de “RC, João e a guerra em terra Tabajara”

A guerra foi deflagrada. Montgomery decidiu firmar o desembarque no Sanhauá de forma rápida e precisa, a fim de evitar maiores movimentos do exército oposicionista comandado pelo general Hideki Tojo.…

Opinião: RC vê conotação política em escritório arrombado. Acha que há mandantes

Em resposta a questionamentos da coluna, o presidente da Fundação João Mangabeira e ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), disse, na madrugada deste domingo (18), não ter dúvidas de que…