Estratégia do PROS pode tirar Vital de ministério; legenda quer emplacar Cid ou Ciro Gomes

O senador Vital do Rego Filho (PMDB), apesar de ser um dos nomes mais cotados para o Ministério Integração Nacional pode sofrer um golpe de um partido novo na política brasileira. O PROS deseja esse ministério para presenteá-lo a um dos seus membros da família Gomes influentes aliados de Dilma quando estavam no PSB.  Tanto Cid quanto Ciro podem tirar Vital da vaga já que esse ministério poderia selar uma nova aliança para o PT.

O presidente da legenda, Eurípedes Júnior (PROS-DF), pretende aproveitar uma visita que fará na sexta-feira ao Ceará, para tratar deste e de outros assuntos com os dois irmãos.

Por trás do discurso de que preferem ficar fora do governo, a preocupação dos irmãos Gomes tem sido a de neutralizar as críticas de que teriam deixado o PSB por causa do apego a cargos no governo federal. Mas o PROS tem claro que, até que haja uma definição sobre uma cadeira na Esplanada, muito do desgaste trazido pela ruptura dos irmãos Gomes com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), terá se dissipado.

A conversa de sexta-feira é o próximo passo da articulação comandada pelo presidente do PROS, Eurípedes Júnior, para definir os termos do alinhamento do PROS ao Planalto. O ex-vereador de Planaltina e fundador do novo partido reuniu-se no fim da semana passada com Dilma. Além de discutirem a participação no governo, Dilma e líderes da nova sigla também trataram exaustivamente da montagem de palanques regionais.

 

Redação com IG

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: se achando acima da lei, deputado Walber Virgolino faz ameaça a este colunista

O deputado estadual Walber Virgolino (Patriotas) é aquela pessoa do bem, mas confunde a prerrogativa de delegado de polícia, profissão, diga-se, muito honrada, com a de homem público, infringindo, no…

Efraim Filho não prevê debandada de lideranças do DEM para o Cidadania

“Eu acredito que o Democratas já deu essa largada na pole position, se antecipou aos demais partidos e se mostrou mais organizado rumo às eleições municipais, de onde pretendemos sair…