A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba aprovou projeto de lei  que proíbe a oferta de enlatados e embutidos na composição da merenda servida na rede estadual de ensino.

O projeto, apresentado pelo deputado Júnior Araújo (Avante), abre caminho para refeições mais saudáveis em escolas e creches.

“O objetivo é incentivar o uso de produtos mais saudáveis na dieta de jovens e crianças, que estão em fase de crescimento e que precisam de alimentos com mais nutrientes para um desenvolvimento adequado”, argumentou Júnior Araújo.

O deputado acredita que o exemplo da escola chegará, também, às casas dos estudantes.“A aposta é que o hábito de alimentação saudável, criado no ambiente escolar, se estenda ao ambiente doméstico, melhorando a nutrição de nossas crianças e jovens”, observou o parlamentar.

 

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“RC pode sair mais forte”, diz Lula sobre investigações da Calvário sobre o socialista

Numa entrevista neste domingo (26), ao site ao Uol, o ex-presidente Lula (PT) disse que o ‘companheiro’ e ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), pode sair da Operação Calvário ainda…

Taciano Diniz diz que continuará neste ano a priorizar ações de saúde e qualidade de vida

Em depoimento via sua assessoria o deputado estadual Taciano Diniz (Avante) disse, em entrevista anteontem, que passou todo o primeiro ano de mandato priorizando ações na área de saúde e…