Eleito presidente provisório do PPS,  o vice-prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira, promete reestruturar o partido para às eleições de 2014.

Nonato assumiu os destinos do partido depois da desistência de Douglas Lucena, prefeito de Bananeiras. Ele abriu mão de sua candidatura em repúdio à resolução do partido que vetou vários delegados – ligados à ex-presidente e deputada Gilma Germano, aliada de Lucena.
O vice-prefeito da capital, segundo Volfer Júnior, integrante do Diretório Nacional do PPS, tem que trabalhar agora para perder o menor número possível de quadros do partido, e chegar forte em 2014 "A direção nacional acredita que ele é capaz de contornar esses problemas internos", afirmou.

Com essa nova situação na direção estadual do PPS, a deputada estadual Gilma Germano deve deixar o partido. A eleição do PPS foi conturbada. Gilma Germano e Nonato Bandeira travavam uma briga interna pelo controle da legenda há muito tempo.
A deputada Gilma Germano entendia que o PPS deveria se aliar ao PSB e apoiar a candidatura à reeleição do atual governador, Ricardo Coutinho. Nonato Bandeira, por sua vez, pregava distância do Palácio da Redenção e mais proximidade com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), em oposição ao governador.

A direção nacional do partido dissolveu a direção estadual. Com isso, a deputada estadual Gilma Germano, foi destituída do cargo. Agora, uma comissão provisória foi constituída e terá a missão de reestruturar a legenda. O vice-prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira, assumiu o comando da direção provisória.
Com espaço livre, o grupo de Nonato já á tinha vencido o diretório municipal da capital paraibana com o vereador Bruno Farias (PPS) e em Campina Grande com Laerte de Mello que foi reeleito durante Congresso presidente em Chapa única.

Severino Lopes

PBAgora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano vota a favor da partilha do pré-sal para os municípios

O Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) votou favoravelmente, na manhã desta terça-feira (15), ao Projeto de Lei (PL 5.478/2019) que divide parte dos recursos do leilão do pré-sal com…

Audiência Pública na CMCG propõe medidas para salvaguardar o Patrimônio Histórico de Campina

A Câmara Municipal de Campina Grande realizou, nesta quarta-feira 16/10, Audiência Pública acerca do Patrimônio Histórico de Campina Grande. O autor da propositura foi o vereador Olimpio Oliveira, que debateu…