Por pbagora.com.br

A eleição do vereador Bruno Farias (Cidadania) para presidir a Mesa Diretora da Câmara Municipal de João Pessoa no 2º biênio, ocorrida no último dia 1º, continua repercutindo.

Desta vez o vereador Marcos Henriques (PT), que não estava presente no dia da votação, disse que ao seu ver a eleição foi legítima.

Ele ainda declarou que apesar de ter essa opinião, aqueles que sentirem que devem se opor à presidência de Bruno também tem legitimidade para tal.

“Eu acho que trata-se de uma posição que foi tomada por um grupo, do reconhecimento. Acho que a participação de sete vereadores do grupo dos 11 legitima a formação da segunda mesa diretora. Sou uma pessoa de grupo, acho que foi legitimado. No entanto, acho também que as pessoas que queiram se opor a isso tem todo direito, mas acho que enquanto grupo, nós legitimamos aquilo que foi feito no último dia 1º ”, disse.

PB Agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Morre vítima da covid-19, Ivanes Lacerda, ex-prefeito interino de Patos

Faleceu na tarde desta segunda-feira (25), o ex-prefeito interino de Patos Ivanes Lacerda, 74 anos. O político não resistiu as complicações causadas pela covid-19. Lacerda estava internado em hospital particular…