“Eu acredito que o Democratas já deu essa largada na pole position, se antecipou aos demais partidos e se mostrou mais organizado rumo às eleições municipais, de onde pretendemos sair como um dos três maiores partidos do Estado”. A declaração é do deputado federal Efraim Filho (DEM) ao confirmar também que sua sigla está tranquila, quanto a questões relativas a acomodações partidárias, tendo em vista a recém-filiação do governador João Azevêdo ao Cidadania.

Para Efraim Filho, o DEM não teme ‘debandada’ de lideranças, porque iniciou o planejamento estratégico para eleições municipais de 2020 desde o ano passado. “Vivemos hoje um dos melhores momentos, com as filiações de prefeitos que vão disputar à reeleição e também de pré-candidatos que tem buscado o Democratas porque o partido tem tido um crescimento nacional, que tem refletido na Paraíba, e tem passado a imagem de porto seguro para disputa eleitoral deste ano”, comentou.

O deputado federal também considerou natural que haja uma espécie de debandada de lideranças políticas para o partido escolhido pelo governador João Azevêdo, o Cidadania, buscando melhores condições para disputa. “Nós respeitamos o que o governador tem feito, as mudanças partidárias, é natural, isso não tem implicado em nenhum problema ou constrangimento ao Democratas, muito pelo contrário: fazemos alianças e as alianças partem do princípio que cada um respeite o espaço do outro”, declarou.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vereador do MDB/PB solicita renúncia de mandato e abre vaga para suplente

O vereador situacionista Sérgio Leal, do MDB da cidade de Tacima, no Agreste paraibano, protocolou na última quarta-feira (1º), um ofício com renúncia do cargo, faltando pouco mais de seis…

Grupo de Romero ‘peneira’ para escolher entre Tovar, Romero e Ludgério

O grupo capitaneado pelo prefeito Romero Rodrigues (PSD), em Campina Grande, conta com as pré-candidaturas dos deputados Tovar Correia Lima (PSDB), Manoel Ludgério (PSD) e do ex-deputado Bruno Cunha Lima…