Por pbagora.com.br

O pré-candidato a prefeito de João Pessoa, o deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB), incluiu no seu plano de governo pontos fundamentais para a melhoria da segurança pública na Capital com a valorização da Guarda Municipal.

Entre as propostas estão a Criação do Plano de Valorização e Reestruturação de Carreiras da Guarda Municipal com foco da Política Municipal de Segurança Pública e a recomposição salarial e plano de aposentadoria coletiva para os Guardas Municipais (Cerca de 70 profissionais têm mais de 30 anos de serviço).

As sugestões foram apresentadas a Eduardo pela pré-candidata a vereadora, Carol Brito, e pelo Guarda Municipal, Guilherme Galdino.

Ainda consta nas propostas do plano de governo de Eduardo Carneiro para João Pessoa a atualização e implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) e a criação do Programa de Incentivo a Produtividade com criação da Bolsa Desempenho com bônus, prêmio e gratificação em geral. A exemplo do Programa de Segurança Pública do Governo do Estado da Paraíba (Paraíba Unida Pela Paz).

A criação da ‘Cidade Presente’, um programa de segurança pública que através da presença da Guarda Municipal, proíbe pequenos delitos e assegura a manutenção da ordem pública é mais uma das propostas asseguradas pelo pré-candidato. Nessa perspectiva, Eduardo Carneiro destaca que podem ser instaladas unidades móveis, contêiner, construção de mais bases de apoio à Guarda Municipal.

Para garantir reforço na segurança dos pessoenses, também foi observado a possibilidade de atuação da Guarda Municipal no policiamento de trânsito e ambiental em conjunto com a Semob, ofertando uma maior segurança viária ao município de João Pessoa, além da criação de Sede própria com rancho, academia e de um Centro de Ensino da Guarda Civil Municipal para cursos de reciclagem, aperfeiçoamento e aprimoramento.

“É preciso termos ideias claras e precisas para garantir a segurança pública na nossa Capital e para isso, a Guarda Municipal é fundamental. Oferecemos propostas de valorização e também estratégicas do ponto de vista de atuação para reforçar essa área tão abandonada na atual gestão”, disse Eduardo Carneiro.

PB Agora

Notícias relacionadas

“Os entes federados estão no limite de suas forças e possibilidades”, dizem governadores

Na noite dessa quinta-feira (04), o governador da Paraíba João Azevêdo, juntamente com outros 13 chefes de Executivo estadual, encaminharam ao presidente da República Jair Bolsonaro, uma carta pedindo adoção…

Bolsonaro aparece com aprovação abaixo de 30%, segundo IPEC

No pior momento da pandemia e ainda sem a retomada do pagamento do auxílio emergencial, a aprovação do presidente Jair Bolsonaro aparece abaixo do patamar de 30% da população, segundo…