A Paraíba o tempo todo  |

DF: Aguinaldo se encontra com Eduardo Campos

O ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), afirmou nesta quarta (10), que para a população ter transporte público de qualidade é preciso oferecer um suporte na gestão eficaz e na elaboração dos projetos das obras, além de integrar o trânsito ao sistema de transporte. A avaliação foi após a última reunião, em Brasília, entre governadores e prefeitos de capitais com as equipes do Ministério das Cidades e o Ministério do Planejamento. “Precisamos retomar o sistema de transporte público no país como um todo, não só na questão do planejamento, mas também com relação à gestão”, disse.

 

 

A reunião foi com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos e o prefeito de Recife, Geraldo Júlio. Eles apresentaram uma previsão de investimentos entre R$ 4,4 bilhões a R$ 6,4 bilhões para construção de corredores fluviais, monotrilho, quatro corredores BRT (Sistema de corredor exclusivo para ônibus), dois Veículos Leves sobre Trilhos (VLTs) para ligar o centro de Recife a Boa Viagem com o objetivo de fazer a integração do transporte público com o metrô subterrâneo.

 

 

Segundo o governador Eduardo Henrique, o investimento será para obras  “com rápida velocidade de implantação” que poderão ser entregues até março de 2014.

 

 

A primeira rodada de reuniões foi para ouvir as demandas dos governadores e prefeitos das capitais de novas obras de mobilidade urbana para investir os R$ 50 bilhões, anunciados pela presidenta Dilma Rousseff à área. Durante os encontros, a ministra Miriam Belchior e o ministro Aguinaldo Ribeiro, também avaliaram com os governadores e prefeitos medidas para agilizar as obras já selecionadas pelo Governo Federal para mobilidade urbana.

 

Desde segunda-feira (08/07) os ministros receberam os governadores e prefeitos das oito maiores regiões metropolitanas do país que demandaram obras de mobilidade urbana avaliadas em R$ 47,3 bilhões.  Nesta primeira rodada participaram das reuniões os governos do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Ceará, Bahia e Pernambuco. A previsão é anunciar a seleção das novas obras ainda em julho.

 

 

 

Assessoria de Comunicação Social

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe