Por pbagora.com.br

A semelhança entre os irmão gêmeos, Lucélio Cartaxo (PV), que concorreu ao caro de governador da Paraíba nas últimas eleições e Luciano Cartaxo (PV), prefeito de João Pessoa não fica apenas na aparência física.

Durante entrevistas nesta segunda-feira (12), os irmãos demonstraram que também pensam parecido, sobretudo quando o assunto é o último pleito eleitoral, onde Lucélio perdeu a disputa para o candidato eleito João Azevêdo (PSB).

De acordo com os irmãos, a desunião do grupo de oposição foi a principal responsável pelo resultado.

"O que aconteceu foi exatamente a divisão das oposições. Se estivéssemos juntos com certeza poderia ter sido diferente mas vamos tocar o barco pra frente. Foi um erro estratégico da oposição enfrentar o governo de forma dividida" disse Lucélio.

Por sua vez o prefeito de João Pessoa também falou sobre a divisão e também declarou que a hora agora é seguir em frente.

"O principal problema da oposição foi a divisão, eu sempre repeti que o importante era a unidade. A gente alertou para essa necessidade mas a oposição esperou muito e acabamos lançando candidatura seis meses antes do processo. Perdemos muito com isso, mas agora é  olhar pra frente" arrematou.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Notícias relacionadas

Opinião: a PB dá exemplo ao país com unidade da esquerda contra Bolsonaro

A Paraíba sempre se destacou na história da política brasileira. Desde os tempos do Brasil colônia ela assumiu um ponto importante no cenário contestador para o benefício geral do povo…

Covid-19: deputado paraibano responsabiliza Ministro da Saúde pela falta da 2ª dose

  O Deputado Estadual Anísio Maia, durante a 11ª sessão remota, da Assembleia Legislativa da Paraíba, culpou o Ministro da Saúde Marcelo Queiroga e o Governo Federal pela falta de…