Deputados repercutem renúncia do prefeito de Cabedelo e cobram ações de segurança

O pedido de renúncia do ex-prefeito do município de Cabedelo, José Maria de Lucena Filho – Luceninha (PMDB), foi o principal assunto debatido pelos deputados estaduais, durante a sessão ordinária da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), nesta quinta-feira (21). Os parlamentares ainda se solidarizaram com a colega licenciada, Daniella Ribeiro (PP), que foi vítima de um assalto na cidade de Campina Grande e pediram mais ações efetivas de combate a violência.
O líder da bancada de oposição, Anísio Maia (PT), reproduziu no painel do plenário José Mariz foto de Leto Viana (PTN) chegando para a solenidade de posse do cargo ao lado do empresário Roberto Santiago. O parlamentar petista afirmou que a renúncia demonstra a “fragilidade da política paraibana”.

Segundo Anísio Maia, Luceninha precisa tornar público as razões de sua renúncia. “Pode estar acontecendo um verdadeiro estelionato eleitoral. O povo de Cabedelo pode ter sido vendido. Se o shopping de Cabedelo não se concretizar, ficará provado que a renúncia do prefeito não passou de uma grande negociata. Olho neles!”, salientou.

O deputado Janduhy Carneiro (PTN) lamentou o discurso do petista e afirmou que não é cabível a realização de pré-julgamento sobre as razões para a renúncia em Cabedelo. “Até o presente momento, o ex-prefeito [Luceninha] não deu qualquer explicação sobre a renúncia e eu não me atrevo a julgar a quem quer que seja a cerca dos motivos que o fizeram a deixar o cargo. Na função de presidente do PTN, quero transmitir ao prefeito empossado, o companheiro Leto Viana, que ele possa tomar medidas enérgicas e pedir auditoria ao Tribunal de Contas sobre a real situação do município”, disse.

José Aldemir (PEN) foi outro parlamentar a rebater o líder da oposição. Segundo ele, o deputado Anísio Maia fez um juízo de valor prévio, sem fundamento. “Se vossa excelência não conhece Roberto Santiago, eu o conheço de perto e sei da sua conduta e do seu caráter. Ele jamais teria essa conduta de contribuir para a renúncia de Luceninha”, disse e cobrou da bancada petista manifestações de parabéns ao presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, sobre o julgamento do mensalão.

Frei Anastácio (PT) se solidarizou com o deputado Anísio Maia e contra-argumentou o deputado José Aldemir afirmando que o julgamento dos petistas envolvidos no caso ‘mensalão’, no Supremo Tribunal Federal, foi político. “Por isso que a classe política é desacreditada, o que aconteceu foi que quiseram triturar o PT, acabar com o governo Dilma [Rousseff]. Porque as elites desse país não aguentam um governo popular como tem, que mudou a realidade desse país e agora querem jogar para o PT, isso é o que as elites querem fazer, mas nós não vamos aceitar”, disse.

“Tragédia anunciada”

Ainda sobre a renúncia de Luceninha, o deputado Trócolli Júnior (PMDB) afirmou que o caso se tratava de uma “tragédia anunciada”. “Sai o prefeito Lucena e assume um pior do que ele. Quem é de Cabedelo conhece o ex-vereador Leto, um cidadão sem defesa, que faz política como um negócio e que não tem nenhum compromisso público com a cidade”, acusou o peemedebista.
Trócolli ainda prenunciou que a administração de Leto Viana será ruim para o desenvolvimento de Cabedelo. “Deixo o registro público, que a história política de Cabedelo que já é um desastre, com esse que está ai vai ser pior ainda. Será que o prefeito Luceninha renunciou porque estava doente ou cansado ou será que o vice-prefeito Leto não fez uma grande operação para obrigá-lo, persuadi-lo a renunciar o mandato?”, afirmou.

Sucesso ao novo gestor

O deputado Monaci Marques (PPS) fez uma defesa do ex-prefeito Luceninha e desejou sucesso ao novo prefeito Leto Viana. “Durante viagens a Brasília, algumas vezes, encontrei Luceninha e sempre percebi o seu empenho em defender Cabedelo, junto a nossa bancada federal. Não sei os motivos de sua renuncia, mas não cabe aqui fazer juízo de valor. Não conheço o atual prefeito Leto, mas é bom que se frise que todo gestor tem o desejo de fazer o bem por seu município e caberá a população analisar o seu governo”, pronunciou.

Solidariedade a Daniella Ribeiro

O deputado Frei Anastácio também criticou o crescimento da violência na Paraíba e lamentou ocorrência de um assalto a um restaurante de Campina Grande, que teve entre as vítimas a deputada licenciada Daniella Ribeiro (PP). “Nem os deputados escapam mais da violência no Estado. A questão não está mais na zona rural, está nas grandes cidades e é destaque na mídia diariamente. A violência atingiu níveis insuportáveis e algo precisa ser feito e com urgência”, disse.
Carlos Dunga (PTB) foi outro deputado a prestar solidariedade à Daniella Ribeiro (PP) e tecer crítica a falta de segurança que assola os municípios paraibanos. “Poderia ser qualquer outro cidadão a vítima dos bandidos. Essa é uma situação que ocorreu em Campina Grande, que poderia ter sido em João Pessoa ou em qualquer outra cidade. O problema de violência está muito grave, e é nacional”, frisou.

Vital Costa (PP) também se solidarizou com a companheira de partido, Daniella Ribeiro. Segundo ele, o Governo do Estado, por meio de suas forças de segurança, não está conseguindo superar o problema da violência. “É a criminalidade tentando vencer o poder estatal. Esta é uma preocupação de todos nós e precisamos nos unir em favor desse problema”, discursou.

Romaria da Penha

Toinho do Sopão (PEN) destacou a realização da 250ª Romaria de Nossa Senhora da Penha, que ocorrerá a partir das 22h do sábado (23), em João Pessoa. Segundo o deputado, são esperados cerca de 300 mil devotos, durante a caminhada que tem um trajeto de quase 14 quilômetros. O lema deste ano é: “Desde a minha juventude, com fé, eu sigo com Maria no Caminho que é Jesus”, que aborda dois pontos importantes: a juventude, tema da Campanha da Fraternidade; e o Ano da Fé, que se encerra no mês de novembro.

“Pelo terceiro ano consecutivo eu e minha equipe estaremos participando da procissão e faremos a doação de sopa, pão, frutas e água aos milhares de devotos. Esta é uma forma de agradecer a Nossa Senhora da Penha pelas bênçãos alcançadas este ano e durante os 13 anos seguidos em que conseguimos alimentar a tantas pessoas”, disse.

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

CRISE NO PSB: “Temos que aguardar o último capítulo dessa novela” diz Hervázio

Na manhã desta segunda-feira (14), durante entrevista a uma emissora de rádio da Capital paraibana, o secretário da Juventude, Esporte e Lazer da Paraíba, deputado Hervázio Bezerra (PSB) disse que…

Aguinaldo Ribeiro trabalha para que Cláudio Régis assuma cadeira na ALPB

O deputado federal, Aguinaldo Ribeiro, conhecido, nacionalmente, pela habilidade de articulação política, decidiu se movimentar na Paraíba para fortalecer o Progressistas e prestigiar os aliados no Estado. Aguinaldo foi o principal…