Os deputados estaduais petistas Frei Anastácio e Anísio Maia, fizeram uma avaliação do processo eleitoral presidencial no qual reportam-se ao programa de governo de Jair Bolsonaro (PSL) e no caso das denúncias de que a campanha de Bolsonaro teria sido beneficiada pela compra irregular de pacotes de mensagens via WhatsApp.

 

Para o deputado federal eleito Frei Anastácio (PT), reportando-se ao programa de governo de Jair Bolsonaro: “São propostas excessivamente repressoras, elaboradas para agradar ao anseio do eleitor por segurança. Tecnicamente, os especialistas analisam que todas elas são pobres de conteúdo, e ainda criminalizam os movimentos sociais”.

 

Já o deputado Anísio Maia voltou a criticar o TSE no caso das denúncias de que a campanha de Jair Bolsonaro (PSL) teria sido beneficiada pela compra irregular de pacotes de mensagens via WhatsApp. “Houve crime de caixa 2 e disseminação de notícias falsas. Se a Justiça Eleitoral permitir que esta candidatura continue, teremos o escárnio das instituições brasileiras”.

 

Redação

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ex-presidente do PSL/SE acusa Julian de integrar complô na sigla e trair Bolsonaro

Em entrevista bombástica concedida ao programa Arapuan Verdade, na tarde desta terça-feira (22), o ex-presidente do PSL de Sergipe, João Tarantela acusou o deputado federal paraibano, Julian Lemos (PSL) de…

2020: tucano garante pré-candidatura à PMCG independente de quem Romero apoie

Irredutível, o presidente da Agência Municipal de Desenvolvimento de Campina Grande, vereador licenciado Nelson Gomes Filho (PSDB), garantiu que independentemente do candidato que o prefeito Romero Rodrigues (PSD) indicar, ele…